Acelera Performance https://aceleraperformance.com.br Marketing Digital de Resultado Sun, 25 Oct 2020 06:53:07 +0000 pt-BR hourly 1 https://wordpress.org/?v=5.5.1 https://aceleraperformance.com.br/wp-content/uploads/2018/10/cropped-Acelera-Logo-azul-07-32x32.png Acelera Performance https://aceleraperformance.com.br 32 32 O que é Mídia de Performance: o guia completo https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/tudo-sobre-midia-de-performance/ https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/tudo-sobre-midia-de-performance/#respond Sun, 25 Oct 2020 06:20:04 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=1021 Artigo completo sobre Mídia de Performance. O que é Mídia de Performance, Mídia Programática e Mídia de Performance, Mídia de Performance nas Redes Sociais, Instagram Ads, Facebook Ads, Twitter Ads,... continue lendo...

O post O que é Mídia de Performance: o guia completo apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
Consultoria de Facebook Ads

Muito tem se falado sobre as Mídias de Performance e como elas podem lhe ajudar a decolar o seu negócio na web. Nós, da Acelera Performance, temos conhecimento avançado nesta área, que compreende nosso principal foco de atuação. Através deste artigo, pretendemos te apresentar o tema e explicar o beabá sobre esta, que é uma das principais ferramentas do Marketing Digital.

Se você ainda está meio perdido com o termo Mídias de Performance e não sabe como as estratégias de performance podem lhe ajudar, este conteúdo foi feito para você.

Através dos tópicos abaixo, nós iremos explicar o que é, e como você pode extrair os melhores resultados desse tipo de mídia:

  • O que é mídia de performance;
  • Mídia de performance nas redes sociais;
  • Mídia de performance no Google;
  • Mídia de performance dentro de sites e blogs;
  • O que é como funciona a compra de performance;
  • Como criar um bom planejamento para mídias de performance.

Sem mais delongas, vamos ao que interessa!

O que é mídia de performance?

Basicamente, quando falamos em mídia de performance, tratamos dos anúncios pagos que é possível comprar em algumas plataformas. Assim como uma revista impressa disponibiliza espaços para anúncios em suas edições, diversas plataformas como Facebook e Google; e portais como Uol e G1, fazem o mesmo na Internet.

Contudo, a prática é muito mais profunda do que a simples designação de “comprar anúncios” deixa transparecer. O nome “Performance” vem do fato de que esses anúncios online não são determinados por um valor fixo. Ou seja, não é como se você pagasse R$100 para colocar um banner em determinado site, passivamente, indiferente do retorno que ele ele lhe der.

Pelo contrário, a Mídia de Performance propõe um resultado otimizável, com o valor calculado fundamentalmente na performance do seu anúncio. Ou seja, você controla o retorno que ele lhe dá em tempo real, podendo realizar ajustes de estratégia e investimento nas segmentações durante o andamento de suas campanhas. Você pode personalizar criativos/banners e períodos de acordo com seus respectivos resultados.

Dessa maneira você controla o retorno sobre o investimento, reduz o risco de prejuízos e tem a possibilidade de dar escala aos seus resultados de uma forma segura.

A boa notícia é que esse tipo de mídia contempla praticamente todos os internautas. Logo, independentemente de quem for o seu público-alvo, será possível encontrá-lo e enquadrá-lo em uma campanha de performance.Tudo vai depender de como você planejar a sua campanha e os recursos que utilizará, o que iremos ver um pouco mais para frente.

Mídia Programática é o mesmo que Mídia de Performance?

Se não conhece a Mídia de Performance, talvez você já ouvido falar sobre o termo “Mídia Programática”.

Apesar de semelhantes, nas Mídia Programáticas se depende muito menos da ação de um Gerente de Campanhas Online. A proposta da Mídia Programática é que o investimento seja controlado totalmente por um robô e seus algorítmos, sem intervenções ou otimizações humanas. A transformação de Mídia de Performance para Mídia Programática, aliás, está no mapa dos principais canais de performance. Cada vez mais, plataformas como Google Ads e Facebook Ads testam recursos neste sentido, através de avanços em seus algoritmos e implementação de criativos/banners/anúncios responsivos, que realizam testes de textos e imagens automaticamente.

Não importa se você chama de programática ou de performance: o que importa é como elas podem fazer a diferença no seu negócio e é sobre isso que iremos falar nos tópicos abaixo!

Mídia de performance nas redes sociais

É praticamente impossível que o seu cliente em potencial não esteja nas Redes Sociais. Por isso, trabalhar com mídias de performance dentro delas é fundamental para o sucesso do seu empreendimento. A boa notícia é que todas elas possuem alguma plataforma para isso.

Instagram e Facebook Ads

Você pode criar diversos tipos de campanhas para impactar o seu público no Facebook. Desde a compra de tráfego até a venda direta.

Basta acessar o Facebook Business e selecionar um dos objetivo de campanha, que são divididos em três grupos: 

  1. Consideração: Campanhas que tem um tipo específico de envolvimento com seu negócio como meta para resultados. Tráfego para o site, geração de cadastros dentro da própria plataforma, curtidas na página, visualização de vídeos, envolvimentos com publicações, etc.
  2. Reconhecimento: Campanhas que trabalham branding tem como objetivo o Reconhecimento de Marca e aumentar o seu alcance. O reconhecimento de Marca visa fazer com que as pessoas lembrem da sua marca após ver o anúncio. O aumento do alcance busca levar sua marca para o maior número de pessoas, claro, buscando novas conversões.
  3. Conversão: Campanhas cujo objetivo final está fora da plataforma. Venda no catálogo do produto (que deve ser feito previamente) ou Conversões. Aqui pode-se estipular a ação que deseja ter de meta, como venda, adição ao carrinho de compra ou registro de usuário no site.

Posicionamentos:

O Facebook Business permite que você utilize outras plataformas além dos posicionamentos do próprio Facebook. São elas: Messenger, Audience Network (aplicativos e sites parceiros) e Instagram. Cada plataforma dispõe de seus próprios posicionamentos (como feed e stories do Instagram) e tem suas próprias restrições quanto a dispositivos, tipos de campanhas e formatos de anúncios.

Os posicionamentos ficam configurados como automáticos por padrão. O que significa que o Facebook irá distribuir seus anúncios e investirá mais no posicionamento com melhor custo para seu objetivo. Porém, caso prefira focar em determinada plataforma você pode configurar apenas para os posicionamentos desejados. Vale notar que o Instagram é um posicionamento dentro do Facebook Business, isto é, são da mesma companhia. Caso você não tenha atuação no Facebook, ou não queira usá-lo para seus anúncios, é possível fazer anúncios de performance somente para o Instagram transformando o seu perfil para uma conta comercial.

Efeito de detalhamento:

Outro fator importante quanto aos posicionamentos é o chamado “efeito de detalhamento”. O fenômeno que ocorre quando a plataforma parece investir mais em posicionamentos ou anúncios que não apresentam os melhores custos por resultado. A explicação para tal é que a plataforma atualiza seus investimentos em tempo real. Isso resulta num valor de custo-benefício que, analisado numa grande janela de tempo, pode parecer ineficiente. 

Por exemplo: no primeiro dia de uma campanha foram gastos R$20,00 no feed do Facebook com CPC (custo por clique) de R$0,10. No primeiro dia foram investidos R$10,00 no feed Instagram com um cpc de R$1,00.  No segundo dia, os cliques no Instagram ficaram mais baratos que os do Facebook. Então foram investidos R$25,00 no Instagram com um CPC de R$0,15 e investidos R$5,00 no Facebook com um CPC de R$ 0,25. Analisando o período total teve-se R$35,00 investidos no Instagram com um CPC de R$0,20 e no Facebook R$30 investidos com CPC de R$0,13.

Como estipular o quanto os anúncios vão rodar com seu orçamento?

Existem dois tipos de compras de mídia no Facebook Ads que você pode configurar ao criar sua campanha.

  1. Alcance e Frequência:Este modelo de compra exige que você estipule o período, valor, público e frequência desejada para seus anúncios. Tais dados ficam fixos e não podem ser alterados após o início da campanha. Permite também agendar as campanha com alcance estimado e frequência controlada.
  2. Leilão: Os anúncios competem pelos espaços de veiculação. Para determinar o vencedor um leilão ocorre entre os participantes no qual três fatores são analisados, são eles: Lance, valor que o anunciante se dispõe a pagar pelo espaço; Taxa de ação, probabilidade que a pessoa se envolva com o anúncio; Qualidade do anúncio, estimada de acordo com os envolvimentos (se positivos ou negativos) dos usuários.

Lances e Otimização

As estratégias de  lances são configurados como “maior valor ou menor custo” por padrão . O que significa que o Facebook buscará automaticamente os melhores resultados dentro do orçamento e objetivo estipulado na campanha. “Otimização para veiculação do anúncio” é o campo onde, no conjunto de anúncios, se configura a meta pela qual os lances serão dados. Geralmente está relacionado ao tipo da campanha.

 Por exemplo, uma campanha de conversão com objetivo de venda, terá em “otimização para veiculação” o campo de “conversão” (otimizando para vendas) ou “valor” (otimizado para melhor retorno financeiro). Entretanto, ainda é possível colocar outro parâmetro que não seja a conversão selecionada para o conjunto de anúncios em si. Como por exemplo”impressão” (otimizado para impressões”, “cliques” (otimizando para cliques no link), etc.

A estratégia de lance sempre será referente a “otimização” selecionada para o conjunto de anúncios. Selecionando conversão você dará um lance com base no valor da conversão, selecionando clique, dará lances com base nos cliques.

Os tipos de estratégia de lance são:

  1. Maior valor ou menor custo. Tipo de lance automático no qual o Facebook tentará obter o máximo volume de resultados para seu orçamento.
  2. Limite de custo. Lance no qual você escolhe o custo máximo do objetivo, obtendo-se maior número de resultados possíveis dentro do limite estabelecido.
  3. Custo-alvo. Configure o custo desejado para seu objetivo para obter um custo consistente por cada resultado.
  4. Limite de lance. Controle o lance máximo possível em cada leilão. Aqui você pode colocar o valor máximo que está disposto a pagar em cada espaço disponível em leilão. 

YouTube Ads

No YouTube você pode anunciar com banners ou através dos famosos vídeos de anúncios que aparecem antes e durante o conteúdo. A vantagem de anunciar no YouTube é que você pode selecionar em quais canais o seu anúncio irá aparecer, o que ajuda muito na hora de segmentar o público.

O único problema dos anúncios no Youtube, é que eles são baseados somente no custo por clique. Ou seja, cada vez que alguém clicar – independente de comprar ou não – você terá de pagar. Contudo, existe uma maneira de reduzir esse custo por clique, que é aumentando as chances de conversão a cada clique. Você irá aprender a fazer, um pouco mais para frente.

LinkedIn Ads

O LinkedIn também possui sua plataforma de anúncios. Apesar dela ser bastante subestimada por não oferecer tantas opções quanto o Facebook e outras redes, ela tem o seu valor.

A principal vantagem de investir numa mídia de performance com o LinkedIn é poder segmentar seus anúncios por profissão, cargo e até mesmo por empresa. Ou seja, se o seu produto é voltado para gerentes de logísticas, seu anúncio ficará mais bem segmentado no LinkedIn do que em outras plataformas.

Twitter Ads

Por último, mas não menos importante, nós temos o Twitter Ads. Essa rede social que cada dia mais vem ganhando o coração dos brasileiros também possui sua plataforma de anúncios.

Lá você encontra praticamente todas as funcionalidades do Facebook Ads, porém com um custo por clique geralmente mais baixo. Todavia, a quantidade de cliques e o poder de segmentação não é tão poderoso assim. Porém pode valer a pena testar uma campanha por lá, diversas empresas faturam alto com anúncios no Twitter e pode ser que a sua também faça parte dessa lista.

Mídia de performance no Google

Nem só de redes sociais vive o marketing de performance. Na verdade, uma das principais plataformas para esse tipo de anúncio é justamente o Google.

Ao criar uma campanha no Google AdWords, você consegue fazer com que seu site, página de vendas, blog ou até mesmo rede social apareça no topo das pesquisas. Essa é uma maneira muito efetiva de realizar vendas para quem já está decidido a comprar, pois você utilizará os termos de busca para segmentar. Se você trabalha com a venda de fogões, por exemplo, basta criar um anúncio segmentado para essa pesquisa.

Logo, se a pessoa está pesquisando por fogões na internet é bem provável que ela queira comprar um. Nesse sentido, ser a primeira opção a aparecer nos resultados da pesquisa ajuda bastante. É importante citar que – devido ao maior nível de conversão – os anúncios no Google costumam ser bem concorridos, de modo que o custo por clique sobe bastante. Entretanto, até o final desse artigo nós iremos lhe ensinar como fugir dessa concorrência e diminuir seu custo ao anunciar no Google.

Mídia de performance dentro de sites e blogs

Também é possível gerar mídias de performance dentro de blogs e sites, através daqueles banners de anúncios que aparecem sempre que você acessa uma página na web. Estes banners podem ser inseridos tanto através do Google, por meio da criação de uma campanha de rede de displays, quanto através de outras plataformas.

Uma destas plataformas é o Taboola & Outbrain. Eles atuam exatamente como o Google, distribuindo banners em sites e blogs parceiros. Porém, vale citar que são duas plataformas diferentes. Portanto, anunciar em somente uma das duas fará com que você acabe deixando de lado algumas páginas da web que também podem lhe trazer conversões. Aqui vale o que falamos sobre o Twitter Ads: teste e veja qual delas lhe traz mais conversão e um custo por clique menor.

Comprar um banner em um determinado site, também é mídia de performance?

Você vai notar que muitos blogs e sites de jornais ou revistas possuem uma mídia kit, onde você se informará sobre os valores para colocar um banner seu em algum local específico do site.

Algumas vezes isso pode ser considerado mídia de performance e outras vezes não. Isso acontece porque alguns deles não cobram baseado na taxa de visualizações ou de cliques; precisamente o que define a prática que pode ser chamada de mídia de performance.

Entretanto, muitos cobram um valor específico para inserir o banner, indiferente da quantidade de cliques que você receba. Logo, esse último modelo não se encaixa no padrão de performance, apesar de também ter o seu potencial de conversão. Mais uma vez, vale a pena testar e fazer suas próprias avaliações.

Como criar um bom planejamento para mídias de performance

Como vimos acima, existem diversas maneiras de investir em performance. Porém, como o próprio nome diz, tudo vai depender do seu anúncio.

Quanto melhor for o seu resultado, maior será o seu ROI (return of investiment – retorno do investimento). Por isso, nós trouxemos algumas dicas para você planejar a sua campanha e performar melhor, seja com mídia própria ou de afiliados:

Segmentação, segmentação, segmentação

Como a prática mais comum nas mídias de performance é pagar por cada clique recebido. Segmentar esses cliques é a melhor maneira de garantir um bom resultado.

Não vai adiantar você criar anúncios para receber milhares de cliques de pessoas que não tem interesse em comprar o seu produto. Afinal de contas, você acabará gastando uma fortuna sem vender praticamente nada.

Por isso, na hora de criar os anúncios, certifique-se segmentar exatamente quem é o seu público. Definir uma persona para o seu produto pode ajudar – e muito – na hora de fazer essa segmentação.

Copy eficiente, mas verdadeira

A copy do seu anúncio é responsável por 40% da sua venda. Nessas horas, muitos anunciantes acabam exagerando um pouco, por assim dizer, o que acaba aumentando o número de cliques.

Isso é bom, porém se a oferta não for exatamente o que você tinha falado, a chance do prospect desistir quando acessar a página de vendas é grande. Nesse caso, você pagou pelo clique, mas não vendeu nada. Ou seja, dinheiro jogado fora!

Conclusão

A mídia de performance é um diferencial enorme e pode ser um verdadeiro divisor de águas para o seu negócio. Investir nesse tipo de anúncio é a maneira mais rápida, controlável e eficaz de captar novos clientes, dando escala ao seu negócio.

Como vimos, não é muito complicado – porém exige certa experiência e muita dedicação, tanto no planejamento quanto na execução.

Se precisar de ajuda, a Acelera Performance oferece serviços de consultoria de tráfego pago no Facebook, Instagram e Google. Entre em contato!

Consultoria de Facebook Ads

O post O que é Mídia de Performance: o guia completo apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/tudo-sobre-midia-de-performance/feed/ 0
4 dicas para lançar uma música no Youtube e ter sucesso https://aceleraperformance.com.br/marketing-para-artistas/dicas-lancar-musica-youtube/ https://aceleraperformance.com.br/marketing-para-artistas/dicas-lancar-musica-youtube/#respond Fri, 23 Oct 2020 10:03:48 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=2696 Com o crescente desenvolvimento da tecnologia, a modernização de aparelhos tornaram os usuários cada vez mais conectados à internet. Em consequência desse novo comportamento do consumidor, as empresas buscam formas... continue lendo...

O post 4 dicas para lançar uma música no Youtube e ter sucesso apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
Com o crescente desenvolvimento da tecnologia, a modernização de aparelhos tornaram os usuários cada vez mais conectados à internet.

Em consequência desse novo comportamento do consumidor, as empresas buscam formas para digitalizar os seus serviços e torná-los mais atrativos nas mídias digitais. Quando falamos em produção de conteúdo em vídeo, especialmente para o YouTube, não é diferente.

Sendo uma das plataformas mais acessadas pelos usuários, empresas investem na criação de videoclipes para divulgar produtos e serviços, no objetivo de gerar engajamento e relacionamento com seus clientes. Essa é uma das estratégias mais inteligentes para conquistar públicos.

Quer saber como? Então, leia o post até o final e conheça 4 dicas para lançar músicas no YouTube.

1. Conheça o público que irá assistir ao seu videoclipe

De nada adianta elaborar um excelente conteúdo em vídeo, se você não sabe quem é o público que você pretende conquistar. Antes de elaborar o roteiro da produção, faça uma breve pesquisa de mercado e busque entender quem é o público pelo qual você irá direcionar o seu vídeo.

Entenda suas dores, necessidades, objeções e seus principais comportamentos frente a projetos de vídeos similares ao seu. Com todos esses dados coletados, você estará apto a entregar um videoclipe de valor e que, sobretudo, consiga “convencer” o usuário a realizar alguma ação.

2. Veja o que a concorrência está fazendo

Saber o que seus concorrentes estão produzindo no YouTube é uma excelente dica para qualificar ainda mais o seu projeto de vídeo. Analise o que os grandes players estão fazendo no YouTube, bem como sua forma de gerar conteúdo, engajamento e relacionamento com os usuários/inscritos.

Colete essas informações e se inspire nelas, aprimorando sua forma de se relacionar com o público em vídeo e fazê-los interagir com suas postagens.

3. Faça uma campanha de pré-lançamento

Caso você não saiba, o Google Ads é uma ferramenta incrível para divulgação de anúncios. Antes de lançar o seu videoclipe no YouTube, busque fazer campanhas de pré- lançamento nas redes sociais, como Instagram, Facebook e Twitter, por exemplo.

Divulgue ao público a data do lançamento, o (s) participante (s), o objetivo central do videoclipe e, não menos importante, os principais benefícios que o seu conteúdo oferecerá para o usuário que irá assistir.

Dessa forma, chegando ao momento de lançamento do vídeo, você poderá contar com uma quantidade de pessoas já esperando pelo conteúdo. O lembrete do YouTube será um importante aliado para os usuários.

4. Intensifique o uso de palavras-chave

O alcance do seu vídeo precisa ser levado em consideração no momento de lançamento. Nesse quesito, o uso de palavras-chaves estratégicas deve ser crucial.

Procure as palavras mais utilizadas pelos usuários quando estão realizando a busca por conteúdos similares ao que você estará oferecendo. Forneça essas palavras-chaves na estrutura do seu vídeo e facilite ainda mais o acesso do seu conteúdo pelas pessoas.

Conforme vimos, a parte de produção de conteúdo é de suma importância para a geração de valor do seu videoclipe. Porém, saber como lançar o vídeo no YouTube é ainda melhor, já que o seu objetivo é gerar autoridade de marca. Avalie as dicas citadas acima e aplique-as na elaboração do seu videoclipe.

O post 4 dicas para lançar uma música no Youtube e ter sucesso apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/marketing-para-artistas/dicas-lancar-musica-youtube/feed/ 0
Qual é a melhor agregadora musical e preços https://aceleraperformance.com.br/marketing-para-artistas/melhor-agregadora-musical-precos/ https://aceleraperformance.com.br/marketing-para-artistas/melhor-agregadora-musical-precos/#respond Mon, 19 Oct 2020 04:26:49 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=2676 As agregadoras musicais, também conhecidas como distribuidoras digitais, são empresas que fazem o intermédio entre o artista e as plataformas de streaming, como Youtube, Deezer e Spotify. Além de fazer... continue lendo...

O post Qual é a melhor agregadora musical e preços apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
As agregadoras musicais, também conhecidas como distribuidoras digitais, são empresas que fazem o intermédio entre o artista e as plataformas de streaming, como Youtube, Deezer e Spotify. Além de fazer a ponte para a inclusão da música nas plataformas, também fazem a arrecadação de direitos autorais e conexos e muitas delas oferecem algumas ferramentas de marketing, como inclusão em playlists especiais, disponibilização de página de pré-save.

Atualmente, existem várias opções de agregadoras no mercado. Caso você esteja pensando em contratar os serviços de alguma, nós comparamos pontos que consideramos essenciais para a contratação de uma agregadora. Mas lembre-se: é necessário que você observe os aspectos importantes para atingir os seus objetivos, e isso é algo pessoal. Vamos elencar pontos sobre a ONErpm, a CD Baby, a Tratore e a TuneCore para que a sua escolha seja o mais consciente possível.

Leia também como lançar sua música na Internet.

ONErpm

Conhecida no Brasil pela distribuição de música e vídeo, a ONErpm promete entregar o seu conteúdo a todas as plataformas digitais. Em relação ao preço, a ONErpm não cobra uma taxa inicial para a distribuição digital, mas recebe uma porcentagem dos royalties da faixa.

De acordo com os termos, a ONErpm paga até 85% dos royalties e 70% para monetização do YouTube e gerenciamento de canais. A empresa também oferece os serviços Taking Off e Next Level, “a termos comerciais negociáveis”, com soluções personalizadas de alcance digital, como marketing, analíticos e gerenciamento de lançamento.

CD Baby

A CD Baby se compromete a distribuir as faixas em mais de 150 plataformas ao redor do mundo. O acordo proporciona ao artista todos os direitos autorais de seu conteúdo, além de poder receber os rendimentos semanalmente.

Sem taxas anuais, a CD Baby faz a distribuição básica do seu conteúdo por US$ 9,95 cada single e US$ 29 cada álbum. Além disso, a CD Baby oferece os serviços de distribuição Pro, com direito a arrecadação mundial de direitos autorais, registro de música com sociedades globais de arrecadação e afiliação a sociedades de gestão coletiva de direitos autorais de execução pública no exterior.

Os serviços Pro custam $29,95 por single e $69 por álbum. Com relação à divulgação, a CD Baby oferece um serviço de networking para os artistas, além de disponibilizar no site da empresa um material gratuito com orientações de especialistas sobre a carreira musical.

Tratore

A Tratore é uma agregadora especializada em distribuição de produções independentes. Com a oferta de viabilização e comercialização em lojas físicas e digitais, a empresa fará a distribuição nas principais plataformas de streaming. São 16 mil artistas no catálogo com o conteúdo disponível em 100 lojas digitais. A Tratore cobra a taxa de R$ 50 para cada álbum, EP ou single e repassa ao artista 75% dos rendimentos. Para fazer o serviço de licenciamento e sincronização, a Tratore repassa 60% do valor arrecadado. Os valores serão creditados ao artista quando este acumular no mínimo R$ 50. Quanto à divulgação, empresa não oferece um serviço específico de marketing dos artistas.

TuneCore

A TuneCore também se propõe a prover serviço de distribuição para artistas independentes. Ao assinar com a TuneCore, o artista manterá 100% dos rendimentos das vendas. O artista paga $9,99 por ano na categoria single e $49,90 por ano na categoria álbum ($29,90 no primeiro ano).

A TuneCore disponibiliza músicas para download ou streaming nas plataformas ao redor do mundo e nas principais lojas de música digital. A empresa também oferece os serviços de divulgação Starter (grátis), com analíticos de engajamento social e Pro ($107,99), que garante ao artista maior inserção nos números de suas redes.

Conclusão

Como podemos notar, existem muitas variáveis nos serviços oferecidos por cada agregadora digital. A sua escolha irá depender das suas intenções artísticas. Caso você não tenha interesse em dividir seus royalties, não vale a pena contratar os serviços da ONErpm e da Tratore. A TuneCore é um pouco mais cara, com um contrato anual, mas não irá deter uma parte dos seus rendimentos. A CD Baby cobra por material enviado, então vai depender do tamanho do seu acervo. Se você não tem problemas em dividir seus direitos autorais e não tem muito dinheiro para investir, a ONErpm pode ser a sua escolha.

Se precisar com ajuda para ter sucesso no lançamento da sua música ou clipe, entre em contato conosco! Já ajudamos artistas como 3030, Kevin O Cris, MC Rebecca, dentre muitos outros, no lançamento de singles e videoclipes!

O post Qual é a melhor agregadora musical e preços apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/marketing-para-artistas/melhor-agregadora-musical-precos/feed/ 0
Como inserir fundos para anunciar no Facebook https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/fundos-boleto-facebook-ads/ https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/fundos-boleto-facebook-ads/#respond Sat, 17 Oct 2020 13:22:48 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=569 O Boleto Bancário é uma forma de pagar manualmente pelos seus anúncios. Ou seja: adicionar fundos que ficarão disponíveis para uso em sua conta de anúncios do Facebook. Neste post,... continue lendo...

O post Como inserir fundos para anunciar no Facebook apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>

Para monetizar as plataformas (lucrar), o Facebook e Instagram tem reduzido cada vez mais o alcance das postagens de páginas comerciais. Neste cenário, não basta criar um conteúdo relevante: é necessário patrocinar esse conteúdo, para que ele chegue no seu público-alvo. Tal conteúdo podemos chamar de “post patrocinado”, “post impulsionado”, “post pago” ou mesmo “anúncio”. Mas este recurso não se resume a um botão de “Boost”: a plataforma é capaz de construir segmentações potentes. Mas não é de graça.

Para fazer um anúncio no Facebook e no Instagram com acesso aos melhores recursos das plataformas, é necessário criar uma conta de anúncios no Gerenciador de Anúncios do Facebook. Depois de criada, é necessário inserir fundos na sua conta de Facebook Ads. Esse pagamento pode ser através de um cartão de crédito, saldo no paypal ou boleto bancário. Neste blogpost, vamos explicar o passo-a-passo sobre como gerar boleto para Facebook Ads.

Passo a passo para inserir fundos no Facebook Ads com Boleto ou cartão

  1. Abra o Gerenciador de Anúncios do Facebook e acesse sua conta
  2. No canto esquerdo, procure a opção “Ferramentas para Empresas”
  3. Vá até “Cobranças”
  4. Agora, avance para “Configurações do Pagamento”
  5. Depois, “Adicionar Forma de Pagamento”
  6. Agora coloque seus dados fiscais e escolha um método de pagamento, como boleto bancário ou cartão de crédito,

Aí é só avançar e começar a anunciar!

Se precisar de ajuda com facebook ads para criar suas primeiras campanhas, entre em contato com nossos especialistas!

COMO PAGAR FACEBOOK ADS COM BOLETO BANCÁRIO

O Boleto Bancário é uma forma manual de pagar antecipadamente pelos seus anúncios no Facebook e no Instagram. Ou seja, funciona como um modelo pré-pago: são adicionados fundos que ficarão disponíveis para uso em sua conta para compra de mídia de Facebook Ads. As principais vantagens de pagar o Facebook por boleto bancário são:
  1.  Mais fácil de controlar os gastos em Facebook Ads
  2. Torna possível fazer anúncios no Facebook sem cartão de crédito.

Uma vez confirmada essa opção não será possível alterá-la, sendo necessária a abertura de uma nova conta de anúncios para utilizar outra forma de pagamento.

Quanto tempo demora para cair o boleto do Facebook?

Um saldo inserido por boleto de Facebook Ads costuma demorar de 1 a 2 dias úteis para ser disponibilizado na conta de anúncios, após o pagamento. Uma vez que todo o saldo disponível seja utilizado as atividades da conta são pausadas. Para a retomada das atividades, um novo boleto precisa ser gerado na sua conta de ads e pago no seu banco ou aplicativo.

Não há limite para o valor do boleto. Caso o prazo de validade expire pode-se gerar um novo boleto seguindo os passos do tutorial. O saldo da conta fica disponível por tempo indeterminado, não tendo prazo de expiração.

Se precisar e ajuda com seus anúncios, a Acelera Performance é especializada em Facebook Ads. Oferecemos serviços de consultoria e também gerenciamos campanhas online para clientes e agências. Entre em contato e vamos bater um papo sem compromisso!

O post Como inserir fundos para anunciar no Facebook apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/fundos-boleto-facebook-ads/feed/ 0
O Guia completo de SEO https://aceleraperformance.com.br/seo/tudo-sobre-seo/ https://aceleraperformance.com.br/seo/tudo-sobre-seo/#respond Sat, 17 Oct 2020 10:04:00 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=927 Como influenciar o Google organicamente para aparecer nas primeiras posições das buscas pelo seu tema, sem gastar com anúncios. Tudo o que você precisa saber sobre Search Engine Optimization. Acesse... continue lendo...

O post O Guia completo de SEO apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
O que é SEO?

Search Engine Optimization (SEO), em português significa Otimização para Mecanismos de Busca.

É um conjunto de técnicas utilizadas para melhorar o ranking de sites nos buscadores (Google, Bing, Yahoo, Ask etc). O principal objetivo do SEO é trazer mais visibilidade orgânica (sem custos com mídia)  nos mecanismos de busca. Consequentemente, gerando mais tráfego para seu site e novos clientes para seu negócio. Um projeto online bem feito com SEO, focado nas palavras-chave corretas, possibilita que seu site fique nas primeiras posições, quando o usuário busca alguma informação relacionada ao seu negócio. Dessa forma, você se destaca sem custos com compra de mídia e ganha vantagem competitiva em relação aos seus concorrentes.

São mais de 200 fatores dentro do SEO que irão determinar se um site é bom ou não para ocupar os primeiros resultados dentro dos mecanismos de busca.

É possível fazer SEO em qualquer plataforma de busca, mas é claro que o foco principal é sempre o Google SEO. E a gigante dos mecanismos de busca não deixa claro quais são os fatores que influenciam o rankeamento, apenas recomenda que os sites devem ser feitos pensando na experiência do usuário. Em tese, bastaria seu site ser honesto, entregar o que promete, ser rápido e responsivo (adaptável a qualquer tela de celular, tablet, notebook, etc). Isso significa que, quando você otimiza seu site para que fique mais intuitivo, você está fazendo SEO. Mas é claro que só isso não basta. Há muitos sites com essas características, concorrendo entre si pelas mesmas palavras chave. Para se dar bem nessa competição, há muitas técnicas de SEO possíveis e até necessárias, das quais vamos tratar um pouco mais a frente.

A Importância do SEO

Somente ter um site não é o suficiente para garantir que seus potenciais clientes encontrem o seu negócio, é aí que se nota a importância do SEO. Dessa forma sua empresa irá ganhar destaque e visibilidade na internet. Em conclusão alcançando mais clientes e aumentando seu faturamento.

Nos dias atuais, 90% das pessoas que fazem pesquisa nos mecanismos de busca clicam apenas nos resultados da primeira página, e a maioria entra nos três primeiros sites. Portanto se você não está na primeira página do Google, o seu site não é visto e nem é lembrado.

Se você quer ser bem sucedido na internet e faturar mais, sem necessidade investimentos em compra de mídia, um dos melhores caminhos é otimizar seu site para os mecanismos de busca.

Como fazer SEO no meu Site

Existem algumas formas de otimizar seu site para os mecanismos de busca. Para isso, é importante que antes de mais nada você entenda um pouquinho do assunto. Mesmo se você pensa em contratar um profissional ou agência especializada no assunto. Aprenda a diferença do SEO Onpage e SEO Offpage:

SEO On Page

Trabalho de otimização dentro do site, tudo relacionado ao conteúdo do site, velocidade de carregamento, responsividade dentre outros. Os principais são:

Título e Subtítulo

Os títulos dos textos da página precisam ser específicos e diretos ao assunto principal. A estrutura das tags heading (H1, H2, H3 etc) deve ser formatada de maneira correta, respeitando a hierarquia dos assuntos mais importantes ao menos importantes. A página deve conter apenas um único  H1, a ser usado para o Título/Assunto Principal. Mas pode ter vários H2 (Subtítulo – Assunto Complementar ao Principal). A hierarquia vai do H1 ao H6.

Tudo isso contribui para que o conteúdo fique visualmente agradável e indica para os robôs dos mecanismos de buscas qual o assunto mais importante e a relevância de cada um.

Meta Tags

Meta Tags são informações que não aparecem diretamente na página, mas que são utilizadas por outras plataformas para “puxar” informações do site. Por exemplo, o Google usa essas tags com a finalidade de melhor indexar e exibir informações do site; já o Facebook usa essas informações quando você “embeda” um vídeo na sua página. Dentre essas tags, estão:

Meta Tag Title

É o título da página html. Em geral replicamos o título do H1 e acrescentamos o nome do nosso negócio.

Meta Tag Descrição

Deve ser um resumo bem feito da página. Você deverá resumir em 160 caracteres o assunto e instigar o usuário á clicar na página, cada pagina no site tem uma meta descrição diferente e é um passo muito importante para fazer com que o site tenha mais acessos, capriche na meta descrição.

URL Amigável

A URL ou Endereço do site deve ser amigável (de simples compreensão). Normalmente uma URL é criada automaticamente pelo gerenciador do seu site e é sempre bom alterá-la, para ficar mais visual para o usuário e melhor indexada pelos mecanismos de busca. Exemplo:

  1. www.meusite.com.br/ip=234837  (URL criada automaticamente)
  2. www.meusite.com.br/tudo-sobre-seo (URL amigável)

A Segunda opção é ideal e agradável pois ajuda o usuário e o robô a entenderem do que a página se trata.

Além disso tudo dentro do site que você consegue alterar e melhorar pode ser enquadrado no SEO Onpage, otimização do site por completo, velocidade de carregamento, responsividade, etc.

Otimização de Imagens do site

A otimização de imagem para SEO também é um passo importante para a implantação de estratégias SEO para o seu site. Existem algumas dicas para melhor otimizar as imagens do seu site para os mecanismos de busca. O peso do arquivo da imagem deve ser o menor possível (em Kb ou Mb). Para diminuir o tamanho das imagens, recomendamos compressores de imagem.

Um “macete” é compactar o peso da imagem dica padrão 72 DPI, que é o suficiente para garantir a boa qualidade, porém já diminui muito o tamanho do arquivo. O nome do arquivo da imagem deve ser relacionado ao seu conteúdo, por exemplo “nome-do-produto.jpg”. O conteúdo textual ao lado da imagem é igualmente importante e deve estar correlacionado à própria imagem. Caso a imagem seja também um link para outra página, a pagina do destino da imagem deve mostrar uma versão maior da imagem e também tem que estar correlacionada ao seu conteúdo. Temos um artigo inteiro ensinando a aplicar SEO nas imagens do seu site, você pode acessá-lo clicando aqui.

SEO On Page é tudo o que você faz dentro do site.

SEO Off Page

Todo o trabalho de otimização fora do site, basicamente são links de outros sites relacionados que apontam para seu site ou página. Esta é uma das estratégias mais importantes e deve ser executada de forma inteligente e sem exageros. Através dessa técnica o seu site ganha mais autoridade na internet e por você estar sendo indicado por outros sites bons. Dessa forma o Google entende que o seu site é bom e te coloca em melhores posições.

Essa indicação deve ser relacionada e principalmente ser algo útil pro usuário. Dessa forma esses links serão acessados e você receberá tráfego de qualidade e relevância no assunto, as estratégias mais comuns de SEO Off Page são:

Guest Post

Através de parcerias com outros sites você consegue links para o seu site. Normalmente você envia um texto relevante e de um assunto relacionado para outro site, ele posta o seu artigo com um link direto pro seu site. Algumas pessoas também oferecem um pagamento para facilitar que isso ocorra, chamado de “link patrocinado).

Comentários

Uma estratégia antiga e que normalmente não rende muitos resultados bons, apenas se bem feita. Por isso tome cuidado e não faça de forma exagerada. Basicamente você irá comentar em posts de outros sites, blogs e fóruns na internet. Deve ser um comentário relevante sobre o assunto. Apenas alguns sites e fóruns aceitam links, você deverá garimpar e encontrar sites relevantes para deixar o seu comentário junto com um link para seu site. Ainda, muitos campos de comentário contém a tag nofollow. Neste caso, não adianta postar o link com fim de geração de backlinks, pois o comentário não será indexado pelo Google.

Redes Sociais

Uma Estratégia muito importante para qualquer negócio nos dias de hoje é estar em todas as redes sociais com sua marca. Essa estratégia não é diferente para SEO; você deve criar uma página para seu negócio no Facebook, Instagram, Youtube e qualquer outra rede social. Isso ajudará a reforçar sua marca na internet, além disso você consegue compartilhar os links do seu site nessas redes sociais e isso tem um potencial de levar tráfego para seu site.

Existem diversas estratégias de SEO Off Page que são exclusivas e você só aprenderá através de um profissional de SEO, seja pagando uma consultoria ou fazendo algum curso na internet.

SEO Off Page é tudo o que você fora do site.

Melhores Ferramentas de SEO

Dentro do mundo do Search Engine Optimization existem ferramentas que são usadas para análise de sites. Com estas ferramentas é possível saber quais são os pontos negativos do seu site. Com essas informações você consegue melhorar seu projeto com a finalidade de alcançar melhores posições dentro dos buscadores e acompanhar esses resultados.

Com as melhores ferramentas de SEO você também consegue fazer uma análise profunda no site de seus concorrentes e acompanhar de perto as estratégias que eles estão adotando. Sabendo disso você também pode aplicar no seu site e obter benefícios com isso.

Sabendo das fraquezas do seu concorrente na SERP (página de resultados); você irá saber onde trabalhar o seu projeto para que ele passe o seu concorrente e fique nas melhores posições.

Com o auxílio de ferramentas é possível saber quais são as melhores palavras-chave para seu site. Como resultado trabalhar nos melhores termos de pesquisa para atrair mais tráfego para seu site. Trabalhando com as palavras-chave corretas para o seu site você irá aumentar a relevância do conteúdo e do seu site como um todo.

Antes de tudo, implemente a ferramenta principal (que é gratuita e indispensável) Google Search Console. Conforme acumule dados, ela vai indicar os principais termos que ativam suas páginas na busca do Google e também vai te dar uma série de sugestões de otimização.

Conheça também outras ferramentas de SEO do mercado e quais suas principais funcionalidades:

Ahrefs

Melhor ferramenta nos dias de hoje. Foi criada para gestão e análise dos backlinks (links para seu site) e desde então vem sendo aperfeiçoada e está cada vez mais completa. Com o Ahrefs é possível analisar as métricas do site como a Autoridade do Domínio e Páginas do site, quantidade de links que o site recebe e de onde esses links vem.

Também é possível analisar o Benchmark e coletar dados que são importantes na hora de planejar o SEO de qualquer projeto.

Principais Recursos de Ferramenta:

  1. Site Audit (Auditoria do Site)
  2. Rank Tracker (Rank de Palavras-Chave)
  3. Análise de Links
  4. Análise de Tráfego Orgânico
  5. Content Explorer
  6. Keywords Explorer
  7. Alertas

Além disso há outras funções, Ahrefs é bem completo e é recomendado por muitos profissionais do mercado.

Sem dúvidas uma das melhores ferramentas para trabalhar com SEO. Para usar a versão mais simples o valor mensal está em torno de $ 99, entre e confira.

Sem Rush

Excelente ferramenta para se trabalhar com SEO. Dentro da ferramenta você consegue fazer a análise completa de palavras-chave. É possível fazer uma revisão estratégica do seu site, pois a ferramenta aponta onde estão os pontos fracos desde o conteúdo até possíveis backlinks tóxicos que podem atrapalhar seu site.

Também é possível fazer uma análise do seu concorrente. Dessa forma saber quais sites linkam pra ele, quais são as palavras-chave mais lucrativas e com isso traçar a sua estratégia.

Principais Recursos da Ferramenta:

  1. Análise Competitiva
  2. Análise de Backlinks
  3. Pesquisa de Palavras-Chave
  4. Análise Completa do seu Site
  5. Análise do Trafego

Há diversas outras funções que a ferramenta oferece, sem dúvidas é uma boa opção para se trabalhar com SEO.

Para usar o Sem Rush existem diversos planos, o mais barato tem o valor mensal de $99.50, entre e confira.

Majestic

Excelente ferramenta para elaborar relatórios de backlinks. Com o Majestic você também pode coletar informações importantes sobre o seu site e de seus concorrentes. essa ferramenta tem ganhado cada vez mais espaço no mercado de SEO pois oferece informações úteis e atualizadas de qualquer site.

Principais Recursos da Ferramenta:

  1. Análise de Backlinks (Relatório completo sobre a quantidade e qualidade dos links)
  2. Análise da Concorrência
  3. Análise do seu Site (Aponta quais são os pontos fracos do site e dá sugestão de melhoras)
  4. Keyword Checker (Verifica quantas procuras a palavra-chave tem no google)
  5. Histórico de Backlinks

Existem diversas outras funções do Mejestic SEO, é uma ótima opção para se trabalhar com otimização de sites para mecanismos de busca.

Os Planos do Majestic SEO começam á partir de $ 50 mensais, entre e confira.

Ferramentas Gratuitas de SEO

Além do Google Search Console, existem alternativas gratuitas para se trabalhar com SEO, são excelentes opções para quem está começando e não tem muito dinheiro para investir, conheça as melhores ferramentas gratuitas:

UberSuggest

Excelente ferramenta para pesquisa de palavras-chave. Com ela você consegue melhorar a sua estratégia e conseguir atrair mais audiência para seu site.

Com uma interface simples e objetiva, até iniciantes conseguem usufruir da ferramenta. Além disso, o UberSuggest possibilita saber o número de vezes que a palavra-chave foi pesquisada naquele mês e o histórico dos meses anteriores. A ferramenta também te da ideias de palavras-chaves relacionadas.

Dentro da ferramenta também é possível saber a dificuldade estimada das palavras-chave.

Outras funções da ferramenta:

  • Identifica principais concorrentes
  • Verifica a qualidade do conteúdo dos concorrentes
  • Número de visitas estimadas por mês que a palavra-chave rende para cada concorrente
  • Força do domínio de todos os concorrentes na primeira página

Além disso há muitas outras funções interessantes á se explorar na ferramenta, entre e confira.

A Escolha das Palavras Chave no SEO

O Primeiro passo para um site ter muitas visitas é uma estratégia bem elaborada em cima das palavras-chave certas. Não basta apenas trabalhar em cima das palavas que tem um maior número de tráfego. É necessário entender o que o leitor quer ao pesquisar determinada palavra.

Você deve escolher as palavras-chave que estão relacionadas ao seu nicho de mercado, que estejam diretamente relacionadas com o assunto do seu site.

Considere alguns pontos antes de escolher:

Volume de Busca

Existem palavras-chave que são mais procuradas quando comparado a outras. Normalmente é interessante focar nessas palavras pelo seu alto potencial de tráfego.

Lembrando que quanto maior o número de buscas a concorrência provavelmente será maior, dificultando assim o rankeamento para determinada palavra.

Intenção de Compra da Palavra-Chave

Ser bem rankeado para palavras-chave com alto volume de tráfego é sempre bom, principalmente se a concorrência for pequena. Porém não adianta ter só tráfego e não converter para clientes.

Se for uma palavra-chave genérica que apenas irá trazer muitas visitas não é interessante investir muito nela pois ela não irá trazer sustentabilidade para o negócio.

Existem palavras-chave que não tem muito volume de pesquisa mas são direcionadas e que irão trazer o público certo para o seu negócio.

Head Tail x Long Tail

Head Tail mais conhecida como palavra-chave de cauda curta. São palavras-chave compostas por 1 ou 2 palavras que abrangem um assunto.

Exemplo: Marketing

Essa busca em sí irá ser por tudo relacionado á marketing. Esse tipo de palavra-chave tem mais buscas porém tendem a ser bem mais concorridas e gerar um tráfego menos qualificado (específico) que as long tail.

Long Tail são palavras-chave de cauda longa,  compostas por duas ou mais palavras.

Exemplo: Tipos de Marketing

Quanto mais longa é uma palavra-chave mais fácil de ranquear ela é e menos tráfego ela tem.

Long Tail / Cauda Longa
Imagem Cauda Longa, do inglês Long Tail

Planejador de Palavras Chave do Google Ads

É usado para identificar as palavras-chave mais relevantes. É importante saber quais são as melhores palavras para seu negócio antes de produzir conteúdo. Basicamente é uma ferramenta de pesquisa que te ajuda a achar o cliente certo para seu negócio.

Para poder usar a ferramenta é necessário que você tenha uma conta no Google AdWords.

Após criar sua conta, para acessar o planejador de palavras-chave você deverá criar uma campanha. Uma dica é simular a criação da campanha preenchendo os campos que são solicitados. No final selecione o pagamento por boleto bancário.

SEO com Google Console

O Google Search Console (Web Master Tools) é usado para auxiliar o robô do Google a entender melhor o seu site e para te auxiliar a entender como o robô vê o site. Dessa forma você poderá fazer as otimizações corretas.

O Search Console tem diversas funcionalidades, elas são:

  1. Aparência de Pesquisa (Como o robô lê suas páginas – títulos, imagens, descrições, etc)
  2. Problemas de Segurança (Notificações de problemas de seguranças no site)
  3. Tráfego de Pesquisa (Termos pesquisados no Google que levam ou podem levar tráfego para seu site)
  4. Índice do Google (Desempenho do Google ao indexar as paginas do seu site)

Além disso há recursos adicionais como assistentes para negócios, ferramentas de testes e diversas outras funções.

É Recomendado que para qualquer projeto que você tem você crie um sitemap.xml e envie para o Search Console para poder usufruir de todos os benefícios que a ferramenta oferece.

Agência Especializada em SEO

Empresa responsável por realizar trabalhos e otimizações de sites para mecanismos de buscas, muitas pessoas não tem tempo para trabalhar com SEO e preferem contratar profissionais, é ai que as agências são requisitadas.

Uma Agência de SEO faz um trabalho de otimização completo em um site fazendo que o mesmo alcance bons rankings nos resultados e levem tráfego qualificado para seus clientes. Também é responsável por aumentar a taxa de conversão de um e-commerce por exemplo, tudo isso será decidido na hora de fechar o trabalho.

Especialista em SEO

Um Especialista em SEO é uma pessoa que normalmente trabalha sozinha e realiza serviços de otimizações de sites. O trabalho é semelhante á de uma agência, porém o custo tende a ser menor e os resultados dependem muito da pessoa contratada. É preciso pesquisar muito na hora de contratar um profissional, busque por referências e trabalhos já realizados, converse muito antes de fechar algum trabalho.

SEO Barato

Existem muitas promessas no mercado de SEO barato. Por exemplo venda de links, criação de sites, otimizações internas dentre outros. É muito importante ter muito cuidado com tudo isso pois um bom serviço que trás resultados expressivos nunca é barato.

Então não é recomendado que compre links de qualquer pessoa, ou que contrate qualquer profissional pensando apenas no preço, no final o barato pode sair caro. Como tudo envolvendo SEO tem um preço, seja ferramentas, cursos para especialização dentre outros, não faz sentido o trabalho final ter um preço muito abaixo do mercado, fique atento.

SEO Profissional

Há muitas diferenças entre um trabalho amador e um trabalho profissional, um bom trabalho de SEO costuma durar acima de 3 meses pois são muitas alterações que deverão ser feitas em um projeto nesse tempo. Se alguém lhe prometer resultado em pouco tempo desconfie.

Normalmente um trabalho profissional de SEO não é barato, por isso você deve procurar por trabalhos anteriores da agência ou profissional para avaliar e ver se essa pessoa ou empresa é qualificada para trabalhar no seu site e trazer resultados adequados.

Todo bom trabalho de SEO requer investimento, seja dinheiro ou tempo. Aceite isso e tenha resultados mais rápidos, evite apenas pensar no dinheiro na hora de procurar um profissional, foque no resultado que ele pode te entregar.

Lembrando que você consegue começar com pouco dinheiro, mas o investimento no conhecimento e em ferramentas irá acelerar muito o processo.

Precisa de ajuda com SEO? A Acelera Performance pode te ajudar a aparecer na primeira página do Google! Entre em contato para agendar uma consultoria online.

O post O Guia completo de SEO apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/seo/tudo-sobre-seo/feed/ 0
Como Apontar um Domínio Para um Servidor https://aceleraperformance.com.br/outros/como-apontar-dominio/ https://aceleraperformance.com.br/outros/como-apontar-dominio/#respond Sat, 17 Oct 2020 09:00:00 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=604 Todo site profissional precisa de um domínio próprio e também de uma hospedagem. Neste artigo, ensinamos como apontar um domínio para um servidor!

O post Como Apontar um Domínio Para um Servidor apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
Se você ainda não tem um domínio ou servidor, sugerimos a compra nas plataformas de melhor custo x benefício: Hostinger e Hostigator, pela qualidade do serviço, suporte e preço baixo.

  1. Acesse o site em que você registrou seu domínio
    Acesse o site

  2. Acesse as configurações de seu domínio
    Configurações do domínio

  3. Navegue para as configurações de ‘Zona DNS’ ou ‘Zona’
    (Estas configurações podem estar disponíveis apenas no modo avançado em alguns gerenciadores)
    Zona DNS

  4. Adicione um novo registro com o IP do seu servidor
    IP do Servidor

  5. Adicione uma nova entrada ‘CNAME’ com os valores de host ‘www’ e valor ‘seudominio.com.br’
    CNAME

  6. Salve suas alterações. Ao final das configurações você deve ter dois novos registros como na tabela abaixo:
    Salvar alterações

Ainda precisa de ajuda? Entre em contato e fale com nossos especialistas em Web Sites!

O post Como Apontar um Domínio Para um Servidor apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/outros/como-apontar-dominio/feed/ 0
Empresa de Consultoria em Marketing Digital https://aceleraperformance.com.br/estrategias/consultoria-em-marketing-digital/ https://aceleraperformance.com.br/estrategias/consultoria-em-marketing-digital/#respond Fri, 16 Oct 2020 19:28:37 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=1116 Serviço de consultoria em Marketing Digital para empresas de todos os portes. Treinamento online, setup de campanhas, otimização de anúncios, mensuração e performance. Acesse e saiba mais!

O post Empresa de Consultoria em Marketing Digital apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>

Com o avanço da internet e as pessoas cada dia mais conectadas, uma presença sólida na Internet deixou de ser um diferencial e tornou-se algo indispensável para uma empresa.

Praticamente todas empresas já conectadas com esse mundo e, consequentemente, a concorrência também ficou mais acirrada. Agora, para ter êxito online, não basta apenas fazer Marketing Digital: é importante utilizar as melhores técnicas e ferramentas.

Sabendo que não é fácil gerenciar uma empresa e, ao mesmo tempo, especializar-se em marketing digital, criamos a Acelera Performance.

A Acelera Performance ajuda pequenas e médias empresas a conseguirem resultados rápidos e mensurados através de Consultoria em Marketing Digital e de outros serviços que prestamos de acordo com a necessidade de cada cliente.

Treinamento de Facebook Ads e Google Ads

Você nunca mais vai precisar usar o botão de impulsionar posts. Treinaremos você ou uma pessoa da sua empresa para ser gestora de campanhas. Dessa forma, você consegue ter um gerenciamento in house, seguindo as melhores práticas e utilizando os recursos mais avançados da plataforma.

100% Prático e Aplicado

Nosso treinamento é aplicado na prática à conta de anúncios do seu negócio. Desde o setup da conta e implementação dos códigos de rastreamentos, até criação de campanhas, otimizações e relatórios.

Individualizado ou em dupla

Este serviço é prestado remotamente no formato de Consultoria em Marketing Digital, através do compartilhamento de tela para uma ou, no máximo, duas pessoas ao mesmo tempo. Somos especialistas em Google Ads e Facebook Ads, conte com  a gente para implementar as técnicas mais avançadas de gerenciamento de campanhas online.

Gerenciamento de Campanhas Online

Nossa principal especialidade são as chamadas Mídias de Performance. Ou seja, somos feras em gerar resultados rápidos através de anúncios no Facebook, Instagram, Google e Youtube. Muitos de nossos clientes investem valores muito altos nessas mídias e confiam os resultados à nossa empresa. Neste caso, não é necessário nenhum treinamento. Tiramos todas as dúvidas através de reunião remota e gerenciamos suas campanhas online. Sem mistérios, só resultados.

Otimização de Site Para Mecanismo de Busca (SEO on page e off page)

Nós também oferecemos o serviço de Search Engine Optimization (SEO). Otimizamos o conteúdo do seu site para ele ser exibido na primeira página da busca orgânica do Google. Utilizamos as ferramentas mais avançadas, como SEM Rush e Search Console, para monitorar o progresso da indexação de cada conteúdo nos mecanismos de busca. Também dominamos técnicas avançadas para ganho de relevância através de link building e sinais sociais.

Consultoria de Inbound Marketing

Temos especialista em Inbound Marketing com mais de 6 anos de experiência planejando, produzindo conteúdo e operando as plataformas mais avançadas de inbound, como RD Station e Mautic. Damos consultoria de Inbound Marketing e também fazemos a operação completa. Criamos campanhas automatizadas com geração de leads e fluxo de emails. Funciona quase como um robô de vendas.

Chatbot Marketing

O marketing pelo Messenger do Facebook é uma ferramenta poderosa para lançar produtos e, principalmente, infoprodutos. Somos uma das empresas do Brasil a conseguir o selo de “Messenger Marketing Expert” do Many Chat, principal plataforma de Chatbot Marketing.

Parceiro Marketing Expert 

Landing Pages

Utilizamos a Unbounce, melhor ferramenta do mercado de Landing Pages. Criamos páginas profissionais de vendas e de serviços, otimizadas para conversão e com recursos avançados como AMP (carregamento rápido para mobile) e testes A/B. Temos o plano de agência com todos os recursos da plataforma e número ilimitado de clientes, o que barateia muito o custo para o nosso cliente!

Dica: Quem está começando agora pode encontrar na Landingi uma plataforma com menos recursos, mas com excelente performance e um preço mais em conta. Ela também conta com um período gratuito de trial.

Consultoria de Marketing Digital

Diante deste panorama concorrido e repleto de novos entrantes, cresce a demanda por empresas de Consultoria de Marketing Digital. É aí que a Acelera Performance entra, atuando num híbrido entre agência de marketing e consultoria. Todos nossos profissionais possuem pelo menos de 6 anos de experiência em suas respectivas especialidades.

Através de muito estudo e da vivência adquirida nos jobs dos inúmeros clientes que já atendemos, aprendemos as técnicas e estratégias de conversão online mais avançadas, capazes de melhorar o resultado de qualquer empresa na Internet. Temos o selo “Google Partners” e nossos profissionais são certificados nos exames do Google.

Podemos ajudar sua empresa a conseguir resultados rápidos e mensurados, baseados 100% em números.

Nossa consultoria vai fazer uma análise do seu negócio, propor e auxiliar – ou até mesmo executar – uma estratégia. Indicaremos todos os profissionais e ferramentas necessárias para chegar ao seu objetivo, de acordo com as necessidades da sua empresa.

Para marcar uma reunião online conosco, agende por aqui.

Se você ainda não está certo que precisa de uma Consultoria para o seu Marketing digital, leia um pouco mais para refletir sobre o tema. Ao longo desse artigo você irá entender o que é e como funciona esse tipo de assessoria online. Além de alguns pontos importantes como:

  • Os objetivos de uma consultoria em marketing digital;
  • Porque contratar uma consultoria para o seu negócio;
  • Quais os benefícios e soluções que esse serviço oferece.

O que é a consultoria de Marketing Digital

Como um serviço de assessoria em Marketing Digital, a consultoria tem como objetivo planejar, ensinar e auxiliar na execução de uma estratégia de Marketing. Sua atuação se dá através da experiência e conhecimento aprofundado de conceitos do consultor.

Uma consultoria bem realizada deve acertar junto ao cliente desde a melhor estratégia, até os detalhes da execução e da mensuração dos resultados. O entendimento das melhores práticas (execução) e de como julgar os resultados (mensuração) propicia resultados melhores e amplia a capacidade do cliente de aprender empiricamente.

É preciso conhecer a jornada de compra dos seus clientes em potencial para que eles se convertam em consumidores. Para isso, o especialista em marketing digital vai trabalhar com alguns objetivos: a fim de inserir o seu negócio no mercado online e conquistar clientes em uma curva de crescimento saudável. Abaixo falaremos mais sobre os objetivos.

Objetivos de uma consultoria de Marketing Online

A consultoria marketing digital tem como objetivo analisar um negócio, transmitir e ensinar os melhores caminhos para se ter sucesso online, da forma mais personalizada o possível. Entretanto, para que isso seja viável é necessário executar uma série de ações personalizadas.

Identificar e solucionar problemas

O primeiro passo de uma consultoria é identificar os erros e gargalos que impedem a escalabilidade dos resultados online. Este trabalho é feito através de uma série de ferramentas e percepções, de acordo com o caso de cada cliente. A partir daí, desenvolve-se hipóteses que, quando confirmadas, devem ser solucionadas.

É importante salientar que o pós-venda deve fazer parte e é uma das etapas mais importantes do seu funil. Ele interfere diretamente na recorrência, retenção e recomendação dos seus clientes. Tendo em mente a máxima de que é muito mais lucrativo reter do que adquirir novos clientes. Por isso não faz sentido um trabalho que busca escalabilidade, mas não é capaz de satisfazer e fidelizar clientes.

Planejar ações e campanhas de conversão

Uma grande qualidade de um consultor de marketing digital qualificado é capacidade de planejar ações personalizadas.assessoria em Marketing Digital

Após alinhar os dados, através do briefing e de uma ou mais reuniões, o consultor vai agir propondo um ou mais planos de ações voltados para:

  1. Os objetivos de negócio da sua empresa;
  2. A realidade financeira do seu negócio;
  3. A imagem pública que a sua marca possui;
  4. As metas de venda da sua empresa;
  5. O ticket médio que você espera receber com as vendas;
  6. O público-alvo do seu negócio.

Neste momento, o consultor irá responder perguntas cruciais para o seu negócio, como:

  • O objetivo da estratégia
  • As métricas principais e secundárias
  • A duração da estratégia
  • As ferramentas a serem utilizadas
  • Os gatilhos mentais de persuasão
  • O valor a ser investido em mídia paga
  • O retorno esperado

A partir dessas respostas, a equipe de assessoria online vai traçar as melhores estratégias e técnicas de marketing digital. Assim, a consultoria funciona com base em resultados e métricas, não em objetivos abstratos como posicionamento e percepção da marca pelo público.

Estes por sua vez também são importantes, porém são um investimento de longo prazo. O principal foco do consultor em Marketing Digital deve ser a performance dos resultados. Com uma certeza acerca dos retornos reais dos investimentos, fica muito mais seguro e viável o processo de crescimento e escalabilidade do negócio.

Consultores Agregam Parceiros

Outra habilidade de um consultor de marketing digital a ser aproveitada é utilizar sua experiência e networking para encontrar e agregar os melhores parceiros para executar os planos de ação.

É muito provável que você não tenha todos os profissionais necessários disponíveis para realizar as ações definidas. Afinal, pequenos e médios negócios precisam de uma equipe enxuta. Por isso, empresas de consultoria já possuem parceiros recorrentes qualificados para executar cada serviço.

Desde redatores experientes até uma equipe de desenvolvimento de sites, landing pages, especialistas em marketing de performance, social medias, designers, copywriters, especialista em inbound marketing, especialista em SEO. Nosso core é Mídias de Performance, mas contamos com parceiros em todas essas outras especializações. Analogamente, é função de uma boa consultoria indicar esses profissionais e mediar as negociações, conseguindo melhores preços, bem como excelência nos serviços prestados.

Na Acelera Performance, nós temos profissionais experientes prontos para atuar nos mais diversos segmentos do mercado. Conosco, você pode adquirir knowhow para sua equipe ou mesmo contratar-nos para gerenciar sua conta, como se fossemos uma agência de marketing digital. Mas calma! Ao contrário da maioria das agências, na Acelera nós não temos estagiários. Somente profissionais qualificados, experientes e com histórico de resultado fazem parte do nosso quadro.

Definir as melhores ferramentas

Outra função importante da consultoria em marketing digital é definir as melhores ferramentas para a sua empresa atuar na internet. Essas ferramentas vão desde as redes sociais, sistemas de gestão de conteúdo, até plataformas de gerenciamento de vendas, leads, email marketing e etc.

Nesta etapa o que entra em cena é a experiência do consultor. Mesmo que o seu negócio já tenha avançado sozinho, conhecer as ferramentas é fundamental para extrair os melhores resultados. Dessa maneira, o consultor que já testou diversas ferramentas é capaz de apontar aquela que fornece os melhores custo benefícios para cada estratégia.

Dessa maneira você não fica a mercê das ferramentas, mas conta com uma análise prática de quem já às utilizou e sabe qual se enquadra melhor para você. Além disso, nós temos diversas ferramentas que você pode usufruir sem a necessidade de investir em assinaturas e licenças. Até porque, essas ferramentas sempre precisam ser configuradas e calibradas de acordo com cada negócio. Aqui, isso já está feito – portanto, você poupa tempo e dinheiro. Acima de tudo, você é diretamente apresentado a algo que está funcionando e foi devidamente preparado para gerar resultado.

Essa é uma das facilidades que melhoram o ROI (retorno sobre o investimento) das suas campanhas e permite investir seu capital na performance de fato. Permite também manter o foco no resultado e não mais nos processos e burocracias que existem até lá. Você vai ver como um serviço de consultoria pode aumentar significativamente o faturamento da sua empresa.

Métricas de performance

E por falar em performance, depois de executado todos os passos acima é que entra uma das principais funções de uma boa consultoria em marketing online: o acompanhamento e otimização de métricas e KPIs.

KPI é a sigla em inglês para Key Performance Indicator ou Indicador-chave de Desempenho. Ela serve para analisar o desempenho de cada processo dentro de um projeto.

É através da mensuração desses dados que o profissional de performance otimiza cada campanha, buscando o menor custo por resultado possível. Com o acompanhamento diário é possível identificar as melhores mídias, campanhas, imagens e CTAS que oferecem melhor performance. Assim, o profissional vai criando anúncios, na mesma medida que desativando aqueles que não entregam o retorno esperado. De tal forma canalizamos seu investimento somente nas campanhas que realmente estão de acordo com as metas definidas no plano de ação. Economizando o seu dinheiro enquanto aumenta seu faturamento!

Os próximos passos

E por último, mas não menos importante, o profissional consultor em marketing digital irá – com base nos resultados obtidos – estruturar os próximos passos do seu negócio.

Nesta etapa é hora de fazer as mudanças necessárias na estratégia para criar uma escalabilidade para o seu negócio. É hora de planejar as próximas ações da sua marca. Contudo, desta vez, de tal modo com metas maiores e reiniciar todo o processo de execução e performance. Desse modo, cria-se um ciclo virtuoso de planejamento – execução – resultado. Este círculo permitirá tornar seu negócio mais lucrativo a cada ciclo finalizado e aí, somente o céu é o limite.

Na Acelera Performance, nós costumamos entregar nessa fase um novo plano de negócios, que ofereça para a sua marca uma possibilidade de escalar as vendas e inserir produtos com tickets médios maiores. Ou seja, valendo-se da base primária de clientes satisfeitos construída ao longo de todo o processo de consultoria, nós criamos uma segunda oportunidade de venda para os mesmos leads, agora qualificados.

Isso amplia o horizonte de negócios da sua marca e permite criar nichos de mercado completamente inexplorados. O objetivo é tornar a sua empresa uma autoridade máxima no assunto. Quando isso acontece, problemas como preço, objeções de compra e afins caem por terra. A venda, apesar de mais lucrativa, se torna mais fácil e precisará de cada vez menos investimento para ser realizada. Desse modo se encerra um serviço de consultoria de sucesso, entregando resultados e um caminho para continuar subindo até o topo do mercado.

Que tal uma consultoria com a Acelera Performance? Vamos bater um papo, nós temos uma solução incrível para o seu negócio acelerar na internet!

Porque contratar um consultor de Marketing Digital

Como vimos acima, os objetivos de uma consultoria de marketing na internet são extremamente importantes para aumentar o seu faturamento. Você pode estar pensando que boa parte dessas coisas podem ser realizadas por você mesmo ou com a ajuda de um freelancer. E é justamente aí onde a grande maioria dos empresários que tentam fazer negócios no ambiente digital acabam fracassando e jogando dinheiro no lixo.

Apesar da consultoria contar com passos bem definidos, algumas coisas somente um profissional consultor de marketing digital terá capacidade de realizar com excelência. É sobre esses diferenciais que nós iremos falar nos tópicos abaixo, com o intuito de revelar como investir numa consultoria pode melhorar o ROI da sua empresa.

Especialistas em resultados na internet

Um dos diferenciais que torna necessária a contratação de um serviço de consultoria de Marketing Digital é o fato de que o consultor é um especialista. Mas, não somente um especialista em marketing digital e sim em resultados através do marketing online.

Aqui na Acelera Performance, por exemplo, nós temos em nosso time apenas profissionais de alto rendimento. Profissionais que colecionam milhões de reais em faturamento com as suas campanhas. Sim! Milhões! Ou seja, mais do que uma pessoa curiosa e que tem algum conhecimento técnico de ferramentas e softwares, nós temos estrategistas digitais com vasta experiência.

Verdadeiros cientistas que analisam os dados com base nas melhores técnicas e se valem de diversos conhecimentos adquiridos em cursos, faculdades e congressos realizados ao redor do mundo para identificar as melhores oportunidades de vendas.

Dessa maneira, ao contratar um consultor em marketing digital, você não adquire somente o conhecimento básico – que qualquer um pode adquirir através de um curso na internet –, você aprende e coloca em prática, aplicando no seu negócio as técnicas mais avançadas da Internet.

Nenhum consultor sério, fará campanhas para você com o intuito de conseguir curtidas, formar um portfólio público bonito ou apenas mostrar sua criatividade. Os consultores de marketing, principalmente da Acelera, têm como único e restrito objetivo: gerar resultado.

As aparências, os prêmios e o reconhecimento público ficam em segundo plano, pois o que de fato interessa a nós – e acreditamos que a você também – é aumentar o faturamento da sua empresa. Nesse quesito, nada melhor do que um especialista em rentabilidade online.

Opinião de fora

Outro benefício incontestável de uma consultoria de marketing digital é o fato de que você contará com a opinião de uma pessoa que consegue ver todo o processo de fora. O consultor é capaz de entender tanto os processos internos, como um membro da equipe, quanto analisar o produto e a oferta, com os olhos de um cliente. Isso permite mediar os dois lados e criar a estratégia perfeita para aliar produtividade e lucratividade. Ou seja, você agrada o cliente enquanto melhora os processos do seu negócio!

Então, sua empresa passará a crescer nos dois lados, tanto vendendo mais quanto otimizando a estrutura interna. E é essa otimização bilateral que permite um dos maiores benefícios na contratação de uma consultoria em marketing online, que veremos no tópico abaixo.

Melhorar o retorno sobre investimento

Como vimos acima, melhorar o faturamento da sua empresa ou inserir ela na internet é um trabalho que demanda diversos tipos de informações e profissionais diferentes. Além disso, também demanda análises detalhadas e conhecimento estratégico do mundo digital. Por isso, você pode acabar gastando um fortuna, antes mesmo de lançar o seu produto, somente testando e aprendendo:

  • Análises de mercado;
  • Detecção de problemas estruturais;
  • Detecção de falhas nas vendas;
  • Detecção de falhas na comunicação;
  • Entendo e falando a língua do cliente;
  • Identificando a jornada de compra;
  • Fazendo a criação de conteúdos;
  • Criando estratégias;
  • Aplicando técnicas;
  • E contratando profissionais.

E, depois disso tudo – quando você finalmente lançar seu produto na web – ainda terá outros investimentos pesados a fazer com:

  • Os testes de freelancers para cada área;
  • Prejuízos nas campanhas mal otimizadas;
  • O tempo gasto gerenciando anúncios;
  • E o acompanhamento e otimização das métricas e KPIs.

Aumentando seu lucro

Todo esse investimento vai causar um aumento estratosférico no preço do seu produto final… ou uma redução brusca da sua margem de lucro.

Por isso, é muito comum vermos produtos vendidos na internet que não correspondem com a realidade de seus consumidores. Isso leva a falência e ao desperdício de investimentos que poderiam ter sido melhores aproveitados nas mãos de quem entende do assunto.

Não precisa ir muito longe, basta acessar os vários grupos de marketing digital que existem no Facebook e no WhatsApp. Lá você vai encontrar dezenas de empreendedores digitais que gastaram uma  fortuna para fazer um lançamento que não converteu nada do esperado.

Apesar deste erro poder ser facilmente revertido através do serviço de consultoria em marketing digital; ainda é um erro muito comum e faz com que dezenas de empreendedores – todos os dias – percam a fé no potencial da internet para o seu negócio.

Em suma, é esse mix de experiência, visão e conhecimento que um profissional consultor detém que separa os empreendedores digitais de sucesso. Por isso, investir em uma consultoria não é somente um luxo, mas a melhor maneira de aumentar o ROI da sua empresa.

Conclusão

Se você não tem tempo ir aprendendo aos poucos e sua empresa não tem profissionais especializados em Marketing de Resultado, contratar um serviço de consultoria em marketing digital é o melhor caminho. Por isso vale a pena conferir e escolher aquele que lhe oferece uma melhor gama de profissionais e experiência.

O post Empresa de Consultoria em Marketing Digital apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/estrategias/consultoria-em-marketing-digital/feed/ 0
Como fazer remarketing no Facebook, Instagram, Google e Youtube https://aceleraperformance.com.br/estrategias/como-fazer-remarketing/ https://aceleraperformance.com.br/estrategias/como-fazer-remarketing/#respond Fri, 16 Oct 2020 06:01:33 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=1112 O que é Remarketing e Retargeting? Para que Servem? Como Fazer? Quais são suas diferenças? Tudo sobre Remarketing na Acelera Performance! Facebook, Instagram, como selecionar público por envolvimento com Facebook... continue lendo...

O post Como fazer remarketing no Facebook, Instagram, Google e Youtube apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
O que é Remarketing

Remarketing é o nome de uma estratégia baseada no recurso de Re-impactação em plataformas de anúncio. Serve para anunciar para um usuário que já interagiu anteriormente com a marca anunciante.

Desta forma é possível personalizar comunicações específicas para novos usuários e usuários recorrentes, além de oferecer conteúdos mais eficazes, pensados estrategicamente à partir dos tipos de interação destes usuários. Como por exemplo o comportamento deles no site e páginas específicas que visitaram.

Qual é a diferença entre remarketing e retargeting

A diferença entre Remarketing e Retargeting é controversa, contudo, os dois conceitos se baseiam na mesma estratégia: re-impactar um usuário de forma personalizada. É mais comum vermos o termo “Remarketing” aplicado à plataforma de anúncios do Google. Já o Facebook usa o termo “Público Personalizado”, enquanto as ferramentas de recuperação de carrinho por email costumam usar “Retargeting”. Enfim, o que importa é conhecer ambos recursos, pois são imprescindíveis nas campanhas de venda.

Remarketing na Prática

Exemplificando: a Fleurity é uma empresa que vende Coletores Menstruais, produto que substitui o absorvente. Por ser um produto novo no mercado, é fundamental que, quando anunciarmos para os consumidores, utilizar uma abordagem mais explicativa. O objetivo é introduzir o conceito do produto e educar os consumidores; para isso explicamos o que o produto é e para o que serve. Desta forma, despertamos o interesse do público em saber mais, fazendo que usuário clique no anúncio e acesse um site ou uma Landing Page.

Quando falamos com um usuário recorrente, não podemos ter a mesma abordagem nem oferecer informações introdutórias, pois estes soariam repetitivos. Talvez essa seja a hora de buscar uma venda mais direta, usando gatilhos mentais para induzir à conversão do usuário. Esses gatilhos podem ser uma oferta de garantia, um desconto, um brinde ou oferta válida por tempo limitado. São muitos os gatilhos que podem (e devem) ser testados para o público que já conhece seu produto. Perceba que as estratégias de “novos usuários x recorrentes” são complementares, porque atuam de acordo com a posição do cliente na jornada de compra.

Neste exemplo, fica claro que a jornada de compra do usuário passa por uma etapa de conhecimento do produto, antes do convencimento e da oferta imperdível para aquisição do item.

Como Segmentar o Remarketing

Para acertamos ainda mais em cheio, podemos testar mostrar um anúncio ainda mais específico. Por exemplo, ofertando o Produto A para quem já visitou a página do Produto A, ou mesmo para quem colocou esse produto no carrinho e não comprou. Sim! Essa é a mesma estratégia que fazem as marcas te “perseguirem” no Facebook, Instagram e portais de notícia. Os recursos detalhados para a personalização desta estratégia serão abordados mais à frente.

Remarketing no Facebook

O Remarketing no Facebook é realizado através de Públicos Personalizados. Estes criados no Gerenciador de Anúncios do Facebook, no menu de “Audiências”. O alcance dos Anúncios fica restrito a estes público quando selecionados nas opções de segmentações dos Conjuntos de Anúncios (Adsets). Você pode segmentar o alcance, selecionando restrições demográficas e de interesse e comportamento.

Remarketing no Instagram

O processo é idêntico para criar anúncios de Remarketing no Instagram, pois a plataforma é a mesma: o Ads Manager. Inclusive, por padrão, os anúncios do Facebook e do Instagram são veiculados juntos, mas é possível editar essa opção nas configurações dos Adsets (conjuntos de anúncios). Também é possível criar públicos personalizados de envolvimento com um perfil comercial no Instagram.

Públicos Personalizados no Facebook

É possível realizar remarketing no Facebook a partir de várias fontes: bases de email e telefone, tipo de interação com a fanpage, páginas que visitou no site. São muitas estratégias, falaremos sobre a maioria delas:

Remarketing de arquivo com emails

o Facebook permite a criação de um público correspondente aos dados fornecidos. Permite Através de uma lista de e-mails e/ou telefones (como a utilizada para e-mail marketing ou cadastro de clientes). Desse modo, é possível, por exemplo, extrair os dados de usuários que chegaram a gerar boletos na sua página, mas não chegaram a pagar. Dessa maneira se cria um público altamente qualificado, que pode ser impactado ou re-impactado com uma comunicação bem específica.

Remarketing de visitantes do site

Com o pixel do Facebook implementado no seu site, é possível criar listas de quem visitou determinadas páginas. Desta forma, é possível segmentar seus anúncios de remarketing para quem visitou a página de um produto específico, ou mesmo a página de carrinho.

Remarketing de atividade de aplicativos

Assim como o recurso de “tráfego no site”, as atividades em aplicativos possibilitam a criação de listas de quem abriu, realizou ações específicas ou mesmo gastou um determinado valor dentro do aplicativo.

Remarketing de envolvimento

Permite selecionar pessoas que interagiram com seu conteúdo de qualquer forma. Usuários que visualizaram seus vídeos publicados durante determinado tempo, confirmaram presença em eventos que você criou, participou de campanhas de cadastro, ou teve qualquer tipo de envolvimento com sua página do Facebook ou perfil do Instagram. Esse tipo de mensuração possibilita determinar a interação que a pessoa teve com seu negócio. Portanto, é importante atenção na escolha dos parâmetros para certificar que o comportamento desejado seja escolhido.

Envolvimento com vídeos

Possibilita a criação de públicos baseados em quem assistiu aos seus vídeos publicados no Facebook ou Instagram, incluído vídeos utilizados em anúncios. Você pode selecionar um ou mais vídeos e determinar a taxa de envolvimento que deseja mensurar. Por exemplo: você pode selecionar todos os vídeos da página e marcar pessoas que visualizaram 3 segundos do seu vídeo nos últimos 365 dias. Conseguindo assim um público amplo, porém, não muito qualificado, já que o envolvimento filtrado foi de pouca exigência de interesse. Caso queira um público mais qualificado, você pode selecionar vídeos específicos. Por exemplo, você pode selecionar todos os vídeos de uma “promoção X”. Além disso, pode configurar o envolvimento apenas pessoas que visualizaram 95% do seu vídeo. Assim, você terá um público mais qualificado que mostrou interesse de forma mais enfática em determinado assunto.

Envolvimento com formulários

Caso já tenha utilizado campanhas do tipo “cadastro” na sua conta de anúncios, certamente já se deparou com a criação de formulários de cadastro. Esse tipo de envolvimento permite a criação de públicos com base nas ações tomadas nos formulários escolhidos. Permite também a seleção de todos aqueles que abriram o formulário, os que abriram e não enviaram, ou os que abriram e enviaram. Você pode, por exemplo, criar uma linguagem específica em seus anúncios para um público que abriu, porém não enviou o formulário preenchido.

Envolvimento com eventos

Permite a criação de um público com base nas interações de seus eventos no Facebook. Como nos outros tipos de mensuração, também é possível selecionar um período de atribuição e a ação de envolvimento. Você pode selecionar uma ação que exija maior interesse pelo evento. Por exemplo: “Pessoas que se envolveram com o ingresso”, ou um envolvimento mais amplo, como “Todos que visitaram a página do evento”.

Envolvimento com página e perfil do Facebook e Instagram

Importante notar que você só poderá criar públicos com base nos envolvimentos do seu Instagram caso tenha um perfil comercial. Caso seu perfil seja “pessoal” você pode convertê-lo para “comercial” nas configurações do aplicativo.

Esse tipo de público permite que você selecione quem se envolveu com sua página ou perfil comercial. Você poderá, como nos outros casos, estipular parâmetros mais genéricos como “Pessoas que visitaram seu perfil”, ou mais específicos, como “Pessoas que enviaram mensagem para seu perfil”.

Envolvimento com experiência instantânea

Aqui você pode estipular públicos com base nas pessoas que abriram sua “Experiência Instantânea” no Facebook ou Instagram. Esse formato pode ser obtido em anúncios do tipo “Coleção”, que expandem na tela do usuário. Você pode escolher entre selecionar as pessoas que abriram sua “Experiência Instantânea”, ou as que clicaram em algum link dentro dela.

O Remarketing no Google Ads

A plataforma de anúncios do Google permite a realização de remarketing na Busca do Google (incluindo Google Shopping). Além de também permitir o remarketing na Rede de Display, no Youtube, e em alguns sites e Apps parceiros.

O que é Rede de Display do Google

Os anúncios de busca no Google e os Ads no Youtube todos já conhecem, então vamos explicar o que são os anúncios da Rede de Display.

Diferentes produtores de conteúdo, como blogs, portais de notícias ou qualquer outro site com um volume mínimo de visitas diárias, podem reservar uma parte da sua página para divulgar anúncios do Google e ser remunerados pelos cliques nesses anúncios. Para tal, eles devem preencher alguns pré-requisitos e se cadastrar na plataforma Google Adsense.

Do outro lado, estão os anunciantes do Google Ads, que podem expor seus anúncios gráficos nestes sites, e são eles que vão indiretamente “remunerar” estes produtores de conteúdo, através da compra de mídia na Rede de Display. Então, quando falamos de “Rede de Display”, estamos falando destes anúncios gráficos, veiculados em blogs, sites e portais.

Tipos de públicos de Rermarketing do Google Ads

O Google também tem recursos potentes de remarketing. Para utilizar alguns deles, é necessário vincular sua conta de anúncios do Google com outras contas, de outras plataformas. Para tal, basta ir em “Contas Vinculadas”, no menu da sua conta do Google Ads.

Remarketing de Tráfego no Site

Ao vincular sua conta de Google Ads com sua conta de Google Analytics, é possível criar listas de quem visitou determinadas páginas do seu site.

Remarketing de Visualizações do Youtube

Ao vincular sua conta de Google Ads com seu canal do Youtube. Você pode criar listas de quem visualizou seus vídeos ou se inscreveu no seu canal.

Remarketing de Base de Emails

Também é possível realizar remarketing no Google Ads através de listas de clientes, leads e outras bases de email que você tenha.

Como funciona o Remarketing na Rede de Display do Google

O Google disponibiliza recursos de criação das artes gráficas para você não precisar contratar um designer, mas você também pode fazer um upload de artes prontas, seguindo as especificações de criação da plataforma.

Precisa de ajuda para criar campanhas avançadas de Remarketing no Facebook, Instagram, Google ou Youtube? Agende uma hora com um dos nossos consultores de Facebook Ads!

O post Como fazer remarketing no Facebook, Instagram, Google e Youtube apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/estrategias/como-fazer-remarketing/feed/ 0
Criando Pixel do Facebook: como configurar conversões e fazer remarketing https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/criando-pixel-do-facebook-como-configurar-conversoes-e-fazer-remarketing/ https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/criando-pixel-do-facebook-como-configurar-conversoes-e-fazer-remarketing/#respond Thu, 15 Oct 2020 03:09:33 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=2653 Crie, instale, verifique e aprimore o seu pixel com a Acelera! Para o post de hoje, separamos um tema que tem ocasionado muitas dúvidas e que é essencial para a... continue lendo...

O post Criando Pixel do Facebook: como configurar conversões e fazer remarketing apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
Crie, instale, verifique e aprimore o seu pixel com a Acelera!

Para o post de hoje, separamos um tema que tem ocasionado muitas dúvidas e que é essencial para a mensuração dos resultados das campanhas realizadas. Ou seja, ensinaremos como criar pixel do Facebook!

O nome já causa certa estranheza, mas não se preocupe! Pode parecer um pouco complicado no começo, porém, depois que se aprende, fica muito mais fácil criar muitos outros. Continue a sua leitura!

Consultoria de Facebook Ads

O que é Pixel de Facebook Ads

Para começar a nossa conversa, é preciso entender o que é o famoso pixel de Facebook Ads em todos os seus detalhes, pois quanto maior a quantidade de informações sobre esse ativo, mais os seus investimentos de verba serão bem gastos. 

O pixel do Facebook nada mais é do que um código JavaScript, que apenas os programadores e profissionais de TI são capazes de entender, analisando friamente. 

Por quê? Eles são um aglomerado de letras e números sem sentido “a olho nu”, que trabalharão em prol de informações relevantes para o seu negócio. 

Esse código “mágico” é gerado pelo próprio Facebook, inclusive, tudo o que circula na internet é formado por milhares de códigos. Sendo assim, a grande maioria das ferramentas possuem um ou mais pixels, capazes de identificar aquilo que o anunciante deseja.

Para que serve o pixel

O pixel no Facebook mede os resultados dentro da plataforma, sendo capaz de gerar, inclusive, mais vendas, pois mostra os anúncios certos para as pessoas certas.

Podemos dizer que ele é uma espécie de informante, porque fala tudo sobre o que está acontecendo dentro da sua página (site). Sendo assim, é possível identificar, por exemplo:

  • Onde uma pessoa clicou;
  • O que ela está analisando no site;
  • Todos as ações realizadas dentro da página;
  • Tudo isso de forma bastante específica.

Fique atento! Ele só irá informar o que for solicitado, programe o seu pixel de uma forma que você receba os dados que realmente precisa, pois podem vir informações inúteis e não queremos isso.

Ou seja, é um forte aliado inteligente para as suas metas e objetivos, pois de acordo com as informações coletadas ele vai medir os resultados e alimentar cada vez mais o sistema, ampliando a gama de detalhes absorvidos. 

Inclusive, é por isso que as vendas podem aumentar (e muito), porque quando um pixel é bem programado, ele pode captar de forma bastante completa o comportamento do seu consumidor, além de todas as suas características.

Isso faz com que um imenso banco de dados seja construído, cada vez mais completo e com cenários cada vez melhores.

Ou seja, quando um anúncio é criado, ele é exibido de acordo com as necessidades da campanha, tendo sido programado previamente por você.

Mas como isso é possível? Continue a sua leitura para descobrir.

Mensurar conversões, receita e ROI

A mensuração de resultados, muitas vezes, parece ser um pesadelo, mas eles são cruciais para qualquer tipo de campanha, afinal, é através dela que você consegue visualizar se os seus investimentos estão sendo valorizados e se tudo está correndo como programado.

Além disso, fica muito mais fácil identificar possíveis falhas e novas alternativas para outras campanhas, visto que o seu conhecimento tende a aumentar ao testar várias formas de pixel.

Ao criar um pixel, você pode optar por:

  • Eventos padrão

Os eventos padrão são ideais para e-commerces ou negócios que tenham grande quantidade de transações, vendas etc.

Eles englobam alguns itens que a maioria das pessoas precisa medir, como: visualização de conteúdo, adição de produtos no carrinho, check out, compra, busca, dentre outros.

São eventos que já foram predefinidos pelo Facebook, de ações que os usuários realizam no site, abrangendo todos os dados que consideram importantes para a posterior análise do resultado.

  • Eventos personalizados 

Ideal para medir ações específicas que os eventos padrão não medem, sendo diferentes do que explicamos acima.  

Nos eventos personalizados você pode selecionar o que quer que o pixel informe, como cliques em determinados botões, por exemplo.

Eles podem ter nomes personalizados para facilitar a sua posterior análise, facilitando encontrar as especificações.

  • Conversões personalizadas

São ações realizadas em URLs em particular, a partir de outros parâmetros, ou seja, detalhes bastante específicos de uma pesquisa e/ou compra, por exemplo.

Além de quem chegou em uma determinada página do site, por algum limite de preço ou por causa de algum produto, são apenas alguns exemplos. 

Inclusive, você escolhe detalhes específicos de pesquisa, medindo dados em determinada URL e todas as suas particularidades. 

Todas as conversões que aconteceram no seu site e foram identificadas pelo seu(s) pixel(s) ficam disponíveis no seu Gerenciador de Anúncios, além do Painel do Facebook Analytics.

Se você quer ter relatórios específicos, configure vários tipos de evento e coloque pixels em diferentes páginas do seu site, sempre pensando nos seus usuários e em quais informações você deseja captar deles.

Para isso, basta acessar o famoso Gerenciador de Negócios do Facebook e você poderá ter informações com, basicamente, três objetivos diferentes:

  • Otimização

Quando você tiver um grande número de informações sobre seus usuários e leads, os anúncios serão exibidos com maior precisão, o que aumenta muito as suas chances de converter e vender. 

  • Remarketing

Onde é possível configurar campanhas para usuários que interagiram em etapas intermediárias, mas que, por algum motivo, não concluíram a tão esperada compra. 

  • Criar públicos segmentados

Aqui encontramos um mínimo: 100 conversões, onde é possível, a partir daí, criar públicos com perfis semelhantes e gerar anúncios exclusivos para eles.

Criar campanha de conversão no Facebook

As campanhas de conversão no Facebook auxiliam no incentivo de ações dentro do seu site, inclusive vendas.

Essas ações podem ser medidas, por isso é tão importante usar estratégias como: clique aqui (inserindo um botão), preencha o formulário (para captar leads).

Provoque o seu usuário para aumentar o seu tráfego, as vendas e a interação com o seu público. Conheça também alguns recursos adicionais do Facebook

Crie anúncios em diversos formatos, como: Leads Ads, Search, Google Display, dentre outros. Confira aqui um post que fizemos sobre algumas dessas metodologias. 

Fazer remarketing de site no Facebook e Instagram

O remarketing nada mais é do que mostrar novamente o seu anúncio para aquela pessoa que ainda não tomou a decisão final, porém interagiu com ele, bem como falamos aqui em cima.

Isso faz com que ela seja novamente impactada, garantindo que a visualização proporcione uma chance (ou várias) a mais de conversão.

Porém, não exagere! Um bom remarketing é interessante quando ele atinge de maneira assertiva o seu usuário, sem ser algo que se torna maçante. 

E, para que isso aconteça, é imprescindível que os dados coletados sejam de muito valor, pois, só assim, é possível adquirir conhecimento sobre o público para impacta-lo de maneira efetiva.

Com as análises de pixel isso é possível, pois o seu banco de dados é alimentado cada vez que cria um pixel eficiente e de acordo com as suas necessidades de campanha. 

Onde encontrar o pixel

Como você pode perceber até aqui, o pixel do Facebook Ads é uma das ferramentas mais importantes para as suas campanhas.

Como falamos anteriormente, ele pode ser encontrado dentro do seu Gerenciador de Negócios do Facebook, sendo que a própria plataforma diz onde ele deverá ser instalado.

Comumente tal instalação se dá na cabeça do site, que na linguagem de programação costuma ser chamada de head. 

Logo abaixo, você poderá obter maiores informações sobre a criação do seu pixel, vamos lá?

Como criar um pixel

Podemos dizer que, basicamente, existem dois lugares distintos para que você possa criar o pixel: no seu Gerenciador de Negócios, que é uma área específica dentro do Facebook onde podem existir várias Contas de Anúncio, ou nela própria, que é o ambiente em que você faz os seus anúncios, como o próprio nome já diz. 

Ambos os locais têm o “poder” de criar um pixel, mas gostamos de indicar o Gerenciador de Negócios, pois ele possibilita maiores chances de não haver um bloqueio.

Você deve estar se perguntando o que é esse bloqueio, não é mesmo? Saiba que o Facebook trabalha com uma série deles, principalmente aqueles que utilizam publicidades que indicam sugestões pessoais.

Lembre-se de que existe uma linha tênue entre criar um anúncio interessante e algo que seja completamente invasivo. 

Dentro da própria plataforma do Facebook (Gerenciador de Negócios), você encontra um passo a passo completo para a criação do seu pixel e vamos facilitar o seu acesso trazendo todos os itens aqui para baixo. Confira:

  1. Acesse Configurações do Negócio no Gerenciador de Negócios;
  2. Selecione a sua empresa;
  3. Clique em Fontes de Dados;
  4. Selecione Pixels;
  5. Clique no botão + Adicionar;
  6. Digite um nome para o pixel (você pode escolher o nome que quiser, busque usar termos que facilitem a sua busca durante a mensuração posterior);
  7. Opcional: digite a URL do seu site;
  8. Clique em Continuar;
  9. Para começar a instalação do pixel no site, clique em Configurar o pixel agora. Se quiser permanecer no Gerenciador de Negócios, clique em Continuar gerenciando meu negócio.

Fique atento para não pular nenhuma etapa!

Como instalar o pixel do Facebook

Aqui entra a parte que deixa a maioria das pessoas de cabelo em pé: a instalação do pixel. Mas não se preocupe, você pode contar com ajuda profissional quando e onde quiser, afinal, trabalhamos com uma rede de apoio em forma de consultoria on-line, com profissionais qualificados para que a sua instalação aconteça de forma simples e eficiente.

Para saber mais sobre esse serviço prestado, basta acessar a nossa página de contato e agendar uma conversa com a gente da Acelera!

No sistema de consultoria você paga por hora de serviço, sem burocracia ou qualquer contrato, facilitando ainda mais a sua vida.

Porém, se você já tem algum tipo de conhecimento em programação, vai ser bem simples realizar o processo.

É necessário apenas que copie o código gerado pelo Facebook e cole na cabeça do seu site, como já citamos em outras partes do texto. Clique na opção “instalar o código manualmente por conta própria”.

Facebook Pixel no WordPress

Achou que ia parar por aí, né? Muito pelo contrário! O pixel também pode estar inserido no seu WordPress da seguinte forma:

  1. Entre na seção de Plugins no seu site WordPress, instale e ative um Plugin com a seguinte nomenclatura: “Insert Headers and Footers”;
  2. Logo após, clique em “Opções” > Header Footer Settings;
  3. Copie o código do seu pixel do Facebook e cole na caixa de “Scripts in Header”;
  4. Clique no botão: “Save”.

Pronto! Seja feliz colhendo bons resultados do seu trabalho.

No site oficial da plataforma há um artigo explicando como integrar o Facebook com WordPress.

Por integração com Google Tag Manager (GTM)

Primeiramente, é interessante dizer que essa é uma ferramenta gratuita do Google, que poderá agregar ainda mais valor às suas campanhas. Mas por quê?

Porque ela é super simples de usar, assim mesmo: simples! Nela você poderá colocar um único código no seu site, centralizando toda a gestão no GTM, pois ele aceita a instalação de diversos serviços sem precisar mexer mais no código.

Isso oferece maior liberdade na hora de trabalhar, inclusive, pode melhorar a produtividade da equipe e reduzir alguns custos com profissionais de TI, por exemplo.

Usando um Plugin

Sua conta já está configurada para compartilhar seu site e/ou eventos com o Facebook? Se sim, acesse a sua página do WordPress dentro do seu Gerenciador de eventos do Facebook.

Existem algumas orientações padrão para que sejam seguidas, não perca nem um passo ou, se preferir, facilitamos para você:

  1. Baixe a extensão do pixel do Facebook para obter um .zip que você irá instalar no seu painel administrativo do WordPress;
  2. Acesse as configurações abrindo uma nova guia para entrar na sua conta do WordPress;
  3. Acesse seu painel;
  4. Clique em plugins e selecione “Adicionar novo”;
  5. Agora você irá instalar o seu plugin;
  6. Clique em carregar plugin;
  7. Clique em “Escolher arquivo” e selecione facebook-pixel-for-wordpress-<identificação do pixel>.zip.
  8. Clique em “Instalar agora”;
  9. Chegou a vez de ativar o seu plugin clicando em “Ativar plugin”.

Vale ressaltar que essa integração é compatível com versões 4.4 e superiores do WordPress.

Como testar o pixel do Facebook

Para verificar se o seu pixel está  funcionando de maneira correta, indicamos duas formas de analisar, que citaremos logo abaixo.

Isso faz com que você assegure o sucesso de todo o processo realizado, uma vez que o teste mostrará que a sua mensuração será levada a sério e os resultados serão confiáveis, principalmente para as próximas campanhas e a captação dos dados de forma correta. 

Consultoria de Facebook Ads

Baixe e instale o FB Pixel Helper no Chrome

Para que você possa verificar se o seu pixel foi instalado da maneira correta, basta baixar uma extensão do Chrome, de nome: Facebook Pixel Helper.

A extensão ficará aparecendo no canto superior direito de qualquer site que você acessar, mostrando que o seu processo foi bem sucedido.

Logo após a instalação ser concluída, visite o seu site e veja se está realmente tudo certo. Caso sim, aproveite para comemorar, caso não, volte vários subtítulos deste post e comece novamente. 

Ou, se preferir, fale com a gente: https://aceleraperformance.com.br/consultoria/facebook-ads/

Dúvidas Frequentes sobre o FB Pixel

Separamos esta parte para responder alguns outros detalhes que ficam sempre pairando na cabeça de quem está começando a se entender agora com os pixels. 

Aqui, você poderá encontrar alguns informações extra para que não reste nenhuma dúvida na hora da sua instalação, afinal, é através dela que você poderá analisar todos os seus resultados e perceber se as suas estratégias de campanha estão sendo bem sucedidas.

Posso ter mais de um pixel?

Sim! Você pode ter quantos pixels desejar, como falamos anteriormente, lá no comecinho do texto, você pode criar:

  • Eventos padrão, com visualização de conteúdo, adição de produtos no carrinho, check out, compra, busca, dentre outros;
  • Eventos personalizados, com especificações a serem escolhidas de acordo com as  suas necessidades;
  • Além de conversões personalizadas, que oferecem detalhes específicos de pesquisa e/ou compra, por exemplo.

Lembre-se de nomear todos os seus pixels de maneira clara e objetiva, pois isso facilitará a sua busca por eles posteriormente, garantindo que as análises sejam feitas de forma eficiente e sem demandar muito tempo. 

Quantos pixels posso criar?

Quantos você desejar, até o limite máximo de 100! Escolha o que deseja mensurar e sinta-se livre para utilizar essa ferramenta da forma que julgar melhor para os seus resultados, análises, testes e aprimoramento de campanhas.

Afinal, cada vez que você cria um pixel diferente, mais informações você capta para a sua inteligência de dados, fazendo com que seja muito mais fácil atingir o público ideal que tanto procura.

Como compartilhar um pixel?

Bem, para compartilhar um pixel é muito fácil, veja só:

  1. Acesse o seu Gerenciador de Negócios;
  2. Entre em Configurações de Negócios;
  3. Aperte a “engrenagem”;
  4. Logo após, clique em “Origem de dados”;
  5. Clique em “Pixels”;
  6. Selecione o pixel que você deseja compartilhar;
  7. E adicione pessoas, parceiros ou ativos;
  8. Selecione o que deseja e pronto! Seu pixel foi compartilhado.

Caso o seu compartilhamento seja realizado com uma pessoa, você pode oferecer certas permissões, como gerenciador e uma identificação para que ela possa acessar (número exposto na tela, bem em cima).

Além disso, você também pode optar por fazer da seguinte forma:

  1. Acesse Conta de Anúncios;
  2. Gerenciador de Eventos;
  3. Clique no nome do pixel em questão;
  4. Configurações;
  5. Escolhe com quem deseja compartilhar o seu pixel (uma Conta de Anúncios ou Empresa);
  6. Selecione e finalize.

O seu compartilhamento foi efetivado com sucesso!

Como excluir um pixel?

Não existe a possibilidade de excluir um pixel já criado, mas você pode alterar o seu nome, limpá-lo e utilizá-lo em outra página para coletar dados, dando uma nova funcionalidade a ele.

Você também pode desinstalar o seu pixel dos sites que havia inserido ou apenas abandoná-lo, mas é bem mais interessante essa reciclagem que citamos no parágrafo acima.

Consultoria de Facebook Ads

O post Criando Pixel do Facebook: como configurar conversões e fazer remarketing apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/criando-pixel-do-facebook-como-configurar-conversoes-e-fazer-remarketing/feed/ 0
Por que o impulsionamento do Facebook está indisponível? https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/impulsionamento-facebook-indisponivel/ https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/impulsionamento-facebook-indisponivel/#respond Mon, 12 Oct 2020 05:26:00 +0000 https://aceleraperformance.com.br/?p=2045 Não consegue impulsionar seus posts? Descubra a razão do botão de impulsionamento do Facebook estar desabilitado e como resolver isso. Acesse e leia!

O post Por que o impulsionamento do Facebook está indisponível? apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
Consultoria de Facebook Ads

Você preparou aquela postagem incrível, mas acha que ela tem mais potencial para alcançar um número maior de pessoas do que está atingindo no momento? Tudo bem, acontece.

Aqui, neste caso, pode ser a hora de partir para o impulsionamento de post, pagando para que o Facebook ou Instagram divulgue seu material a mais gente. Hum.. Você pensou, avaliou e viu que essa era a melhor opção mas… seu impulsionamento está indisponível.

O que pode ter acontecido? Por que esse tipo de situação acontece? Se você já se fez essas perguntas várias vezes e não sabe a resposta, esse texto é para você. Aqui vamos te contar o que pode fazer com que seu impulsionamento simplesmente não funcione.

O que é o impulsionamento de post

Você sabe, de fato, o que é impulsionamento? Essa técnica, que existe desde meados de 2012, permite que você alcance muito mais pessoas com suas publicações.
Simplificando, o Facebook cobra de você para que o seu conteúdo chegue a mais gente, prometendo muito mais engajamento. Logo, o impulsionamento de post é um atalho para você criar um anúncio no Facebook de forma automática.

Vale a pena impulsionar posts no Facebook?

De fato, você pode conseguir muito engajamento usando o botão de “impulsionar” do Facebook. Também é sabido que o Facebook e o Instagram são poderosos canais de Marketing. O que não te contaram é que existe uma ferramenta muito mais eficiente para você alcançar resultados, que podem ir muito além dos likes: o gerenciador de anúncios do Facebook.

Se você ainda não conhece essa ferramenta, não deixe de dar uma olhada. O gerenciador de anúncios do Facebook dispõe de recursos incríveis, como:

  • Pixel para mensurar resultados de conversão e venda
  • Criação de listas de remarketing (público personalizado)
  • Criação de listas de públicos semlhantes aos seus
  • Cruzamento simultâneo de diversas segmentações

E muito mais! Se você deseja entrar nesse mundo dos anúncios profissionais aos poucos, pode buscar por um dos diversos cursos de Facebook Ads que estão a venda no mercado e ir aprendendo aos poucos. Se você tiver pressa, recomendamos que você contrate uma consultoria de anúncios no Facebook e Instagram.

Contudo, vamos deixar esse assunto para outra hora. O que você veio aqui para descobrir o porquê do botão de impulsionamento está desabilitado. Então vamos lá!

Porque o botão de impulsionar no Facebook está desabilitado

Conforme comentamos, algumas vezes, mesmo fazendo tudo “certo”, você simplesmente não consegue impulsionar sua publicação no Facebook, gerando uma enorme frustração.

No seu FAQ, o Facebook lista as principais causas que podem te impedir de impulsionar um conteúdo no Facebook. Confira a seguir.

Método de pagamento inválido

Antes de tudo, lembre-se que é necessário inserir saldo no Facebook por boleto ou através de um cartão de crédito. Logo, um dos possíveis motivos para o botão de impulsionar não funcionar, pode ser a ausência de um método de pagamento cadastrado ou mesmo um cartão de crédito com o limite estourado.

Nem tudo pode ser impulsionado

Se você está tentando impulsionar a capa da sua fanpage ou a foto de perfil, melhor desistir. Uma boa solução é criar uma nova postagem com esse conteúdo para então usufruir do botão de impulsionar. Também não é possível impulsionar lives, álbuns, e vídeos programados.

Eventos e ofertas vencidas

Se o posts que você deseja impulsionar foram criados no formato de “oferta” ou “evento”, verifique a data final. Ofertas e eventos passados não podem ser impulsionados no Facebook.

Publicações compartilhadas

Não é possível impulsionar conteúdo de terceiros, por mais que você tenha os compartilhado no seu perfil.

Permissões de anunciante

Se você não é o dono da página em questão, então provavelmente você ainda não tem permissão para anunciar. Neste caso, solicite ao administrador da página que libere o  “acesso de anunciante” para você, nas configurações da página;

Temas restritos ou proibidos

Não é possível criar anúncios relacionados a preconceito, violência, nudez, marketing multinível, dentre outros. Siga as regras do Facebook e não insista, se não quiser ter sua conta bloqueada. Confira a lista completa de temas restritos nas políticas de anúncios do Facebook.

Conclusão

Agora que já explicamos os principais motivos para o impulsionamento do Facebook não estar funcionando, vamos repetir uma coisa: Não recomendamos a utilização do botão “impulsionar” no Facebook. O gerenciador de anúncios é muito mais eficiente e não custa nem um centavo a mais para ser utilizado. Se você discorda, dê o seu ponto nos comentários!

Consultoria de Facebook Ads

O post Por que o impulsionamento do Facebook está indisponível? apareceu primeiro em Acelera Performance.

]]>
https://aceleraperformance.com.br/facebook-ads/impulsionamento-facebook-indisponivel/feed/ 0