SEO no YouTube

Como Fazer SEO Para YouTube


Todos já sabemos que SEO é importante para qualquer Negócio Digital. Entretanto, será que é possível usar as técnicas de otimização para mecanismos de busca no YouTube? Será que isso realmente trás algum benefício para o ranqueamento dos vídeos na plataforma?

Primeiramente, se você não sabe, SEO é a sigla para Search Engine Optimization. Em português significa otimização para mecanismos de busca. Portanto, são técnicas usadas para melhorar o ranqueamento de sites no Google.

Essas técnicas são usadas para que os sites fiquem nas primeiras posições quando determinada palavra-chave é buscada e com isso conseguir um maior número de acessos (tráfego orgânico). Sabendo disso já deu pra entender o a importância do SEO para um site.

Você pode acessar Guia Completo de SEO da Acelera para aprender as melhores estratégias de SEO.  Esse artigo trata da utilização de SEO para uma plataforma muito específica: o YouTube.

Você já imaginou poder usar as técnicas de SEO no YouTube para deixar seus vídeos em posições melhores quando buscados? Isso também possível, nos acompanhe em mais um de nossos artigos originais e descubra como:

SEO para YouTube

O YouTube é uma das maiores plataformas de multimídia do mundo. Em 2016 o YouTube passou a marca de 1 bilhão de horas de vídeos assistidos todos os dias. A plataforma conta com mais de 1 bilhão de usuários. Hoje em dia o YouTube só fica atrás do Google sendo o segundo maior buscador online.

Todos esses números sem dúvida atraem diversas oportunidades de negócios. Por isso você precisa aproveitar tudo o que o SEO pode oferecer.

O YouTube é um lugar de muitas oportunidades, existem diversos canais que transformaram um simples hobby em seu negócio, por exemplo:

Professores online, canais de entretenimento, culinária, séries, games e muitos outros geram centenas de acessos todos os dias. Com o SEO é possível aumentar esses números cada vez mais, gerando mais acessos, inscritos, e por fim: dinheiro.

Você quer saber como otimizar o seu canal com técnicas de SEO e ocupar as primeiras posições do YouTube para a palavra-chave desejada? Aprenda abaixo como aplicar as técnicas de SEO no YouTube e conquiste melhores resultados:

Qual a Importância do SEO

Aplicar as Técnicas de SEO é um diferencial para qualquer negócio. Você pode trabalhar arduamente para produzir um conteúdo de qualidade e passar horas editando seus vídeos. Todavia, nada disso adianta se o seu vídeo não aparecer para as pessoas. Você também tem que se lembrar que a concorrência é alta e diversas outras pessoas estão produzindo conteúdos cada vez melhores. Contudo, com o SEO é possível “manipular” o algorítimo e fazer com que ele exiba seus vídeos para um número maior de pessoas.

Estar nas primeiras posições do ranking de busca é a garantia de mais acessos. No Google, o primeiro site recebe aproximadamente 35% do tráfego, ou seja, 35% das pessoas clicam no primeiro resultado da página, enquanto isso outros 19% clicam no segundo lugar e 12% clicam no terceiro.

O Top 3 do Google é cobiçado exatamente por isso, é ali que está o maior número de clique dos usuários, com o YouTube isso não é diferente.

No entanto, antes de tudo você precisa entender quais são as métricas do YouTube para poder trabalha-las. As métricas são usadas para determinar se um vídeo é bom ou não através da experiência do usuário. Por isso é interessante saber o que cada uma quer dizer e monitorar sempre. Quanto melhor engajado o seu vídeo for melhor será o seu ranqueamento.

Métricas do YouTube

Através das Métricas do YouTube é possível saber se o seu vídeo está sendo bem aceito pelo usuário. Isto é, é possível descobrir quanto tempo ele assiste antes de sair, se ele curte, compartilha, etc. Com isso você consegue trabalhar em cima dos pontos fracos e melhorar sempre o seu conteúdo. Aprenda o que cada métrica significa e comece a trabalhar nelas hoje mesmo:

Curtidas

O Número de curtidas em um vídeo do YouTube são como pontos positivos para o seu vídeo. Portanto, curtidas são importantes para o ranqueamento, pois um usuário clica no “like” apenas se gostou do conteúdo de fato. Isso mostra pro algoritmo que o vídeo é de qualidade, dessa forma ele exibe o conteúdo para mais pessoas.

Também é importante ficar atento a quantidade de “deslikes”. Se o número estiver alto quer dizer que uma grande parte dos usuários não gostou do conteúdo, seja por conta do áudio, vídeo ou até algo que foi dito. Procure sempre estar dentro das regras do YouTube e entregue o que foi prometido.

Evite estratégias chamadas de “Click Bait”, onde o dono do canal cria o título e a Thumbnail (Foto de Apresentação do Vídeo) enganosa. De forma que faça o usuário clicar mas quando ele acessa o vídeo não tem nada a ver com a foto ou título, isso é negativo na maioria dos casos.

Comentários

Encorajar o usuário a deixar um comentário é muito importante. Dessa forma o algoritmo também consegue avaliar se o conteúdo é bom ou não pela quantidade de pessoas dispostas e deixar a sua opinião. Também é importante sempre ler o que está sendo dito. Pois na maioria dos casos os usuários tentam ajudar dando toques e dicas para os vídeos melhorarem cada vez mais.

Outro ponto importante é que a maioria dos usuários que comentam são os mesmos que assistem o vídeo até o fim. Por isso é normal ver YouTubers encorajando os seguidores a interagirem abaixo do vídeo, seja com comentários positivos ou negativos.

Retenção do Público

A Retenção do Público é uma métrica muito importante, com ela é possível saber a porcentagem de usuários que assistiram o seu vídeo até o fim. Com ela você também consegue saber o tempo médio seus vídeos são assistidos. Acompanhar a taxa de retenção dos vídeos é importante, com ela você consegue identificar padrões. Por exemplo, se a maioria dos usuários abandonam um vídeo no começo, isto quer dizer que o conteúdo não está tão interessante, ou tem outro problema naquele ponto do vídeo que merece uma atenção.

Compartilhamentos

Quanto mais compartilhamentos, melhor é para o algoritmo. Dessa forma ele entende que o seu vídeo é de alta qualidade pois está sendo recomendado por um grande número de pessoas.

Vinheta do Vídeo

Fazer uma vinheta não é obrigatório mas pode ser interessante. A elaboração de uma vinheta com alguns trechos pode instigar o usuário a assistir outros vídeos e anuncia o início de um vídeo novo.

Vídeos em Playlists

Através dessa métrica é possível identificar quantos usuários marcaram o seu vídeo como favorito e quantos excluíram seus vídeos dos favoritos. Também é possível saber quantas pessoas marcaram o vídeo como favorito em um determinado tempo. Dessa forma você pode identificar se determinadas estratégias estão trazendo resultados.

Número de Inscritos

Essa métrica é uma das mais cobiçadas pelos criadores de conteúdo. Se um canal tem um alto número de inscritos, isso quer dizer que muitas pessoas acreditam e confiam no trabalho daquela pessoa. Quanto maior o número de assinantes em seu canal, maior será o alcance dos seus vídeos.

Agora que você já esta por dentro do assunto é a hora de aprender realmente como fazer SEO no YouTube e conquistar as melhores posições, aprenda todas as estratégias abaixo:

Como Fazer SEO para YouTube

Muitas técnicas se assemelham ao SEO convencional, para sites ranquearem na busca orgânica do Google. Entretanto, há particularidades. Vamos falar sobre isso e ensinar o passo a passo como fazer SEO para Youtube. Fique atento a esses detalhes e seus resultados irão aumentar exponencialmente. Mas antes de tudo, vamos entender o que é uma palavra-chave.

Palavra-Chave do Vídeo

Antes de criar o roteiro ou gravar o conteúdo para o canal é necessário ter a Palavra-Chave do vídeo em mente. A Pavra-Chave seria basicamente o assunto, essa palavra irá representar o conteúdo do vídeo. Faça uma busca do interesse do público sobre um determinado assunto e identifique qual palavra-chave tem uma maior quantidade de buscas.

Opte por trabalhar em cima de uma ou mais palavras-chave relacionadas ao vídeo. Uma boa palavra-chave também pode ser um assunto do momento. Para identificar quais são as palavras-chave mais pesquisadas existe uma ferramenta chamada Google Trends, nela você descobre quais são as tendências e assuntos mais falados do momento.

Para saber se a palavra-chave é muito buscada no YouTube, entre no Google Trends e digite a palavra-chave no menu superior. Procure por “Pesquisa na Web” e mude para “Pesquisas do YouTube”, pronto, a ferramenta irá mostrar quais são as melhores palavras-chave relacionadas ao assunto. Além disso, vai mostrar datas onde houve mais buscas, locais com mais buscas e muito mais.

Título do Vídeo

Um bom título é aquele que deixa claro sobre o que é o conteúdo, e ao mesmo tempo instiga o usuário a assistir. Além de ser importante para o usuário, o título também é importante para o algoritmo do YouTube definir sobre o que se trata o seu vídeo. Por conta disso é interessante estar atento aos seguintes detalhes:

  • Use sempre a palavra-chave relacionada no título
  • Tenha um título objetivo mas tente também despertar a curiosidade do usuário
  • Não crie um título longo, cerca de 50 caracteres é o suficiente
  • Evite colocar títulos genéricos, a maioria das pessoas acabam ignorando o conteúdo por conta disso
  • Evite criar um título só para atrair cliques, procure sempre ter um título que combine com o conteúdo

 

Thumbnail do Vídeo (Capa)

A capa do vídeo ou miniatura, é um dos componentes mais importantes de SEO para trabalhar. Uma boa Thumbnail pode ser a diferença entre o sucesso ou não de um vídeo. Segundo os especialistas do YouTube esse é o elemento mais importante do vídeo junto com o conteúdo.

Uma Thumbnail trabalhada e um bom título fazem milagre no YouTube. Eles são os responsáveis por chamar a atenção do usuário e por fazer com que ele clique e assista o seu conteúdo.

Lembrando que uma boa Thumbnail não necessariamente é uma imagem cheia de elementos ou super colorida. Um bom exemplo de Thumbnail é uma que consiga transmitir a mensagem do vídeo, na hora de montar a sua se atente a esses detalhes:

  • Procure usar algum ponto do vídeo para fazer a imagem de capa
  • Use no máximo de 2 a 3 palavras, não é obrigatório
  • Sempre que puder coloque uma seta apontando para algo de destaque que terá no vídeo, seja um carro, moto, violão, algo que seja o foco do seu vídeo.

Descrição do Vídeo

A descrição dos vídeos é um ponto muito importante e que a maioria dos YouTubers não aproveita. Costumam colocar apenas suas redes sociais; não que isso seja ruim mas é possível aproveitar e muito esse espaço. Os robôs do YouTube leem a descrição para entender sobre o que é o seu conteúdo. Por isso é importante saber escrever uma boa descrição tanto para os usuários como para o robô.

Muitas pessoas lêem a descrição antes de iniciar o vídeo ou ao final dele. Portanto, se possível tente colocar as informações mais relevantes nas 3 primeiras linhas. Isso porque essa parte da descrição é exibida sem que o usuário tenha que clicar no “Mostrar Mais”.

Para criar uma boa descrição é necessário se atentar á alguns detalhes:

  • Coloque sempre os links para suas redes sociais
  • Se o seu vídeo tem o foco de levar tráfego para um site ou blog, tente coloca-lo logo no início da descrição
  • Procure encaixar as palavras-chave no inicio da descrição, entre aquelas 3 linhas que comentamos acima
  • Tenha pelo menos 250 palavras em sua descrição, evite repetir sem necessidade as palavras-chave, isso não funciona
  • Crie uma boa chamada para o usuário se inscrever no seu canal

Qualidade e Duração do Vídeo

O conteúdo deve ser de alta qualidade, principalmente nos vídeos do YouTube onde a exposição da sua imagem é maior. Evite postar um vídeo de péssima qualidade, trabalhe bem em cima da edição e revise o conteúdo antes de postar.

É muito importante se atentar aos detalhes, não adianta ter o melhor conteúdo sobre determinado assunto no YouTube se a imagem está ruim, se o áudio não está bom e por ai vai.

Procure sempre postar seus vídeos em HD, e em uma resolução amigável. Uma boa resolução para vídeos no YouTube é a 1280 x 720.

A duração dos vídeos também é importante, é recomendado que o seu vídeo tenha pelo menos 10 minutos. Entretanto  que também não ultrapasse esse número, faça testes para ver qual tipo de vídeo tem uma aceitação maior do seu público e abuse disso.

Aumente os Inscritos do Canal

Quanto maior o número de interações com os seus vídeos melhor eles serão ranqueados. Isso porque o YouTube entende que esse tipo de vídeo é recomendado mais vezes e por isso é bom.

Quando se consegue um número maior de inscritos no canal mais interações você terá através da influência com seus seguidores. Um seguidor é um usuário engajado com o seu conteúdo.

Uma boa dica para aumentar o número de inscritos no seu canal, é criar um vídeo de apresentação para o seu canal. Nesse vídeo você irá se apresentar e mostrar do que se trata o canal. Procure fazer um vídeo curto e que instigue o usuário a ver mais vídeos e se inscrever no canal para mais novidades.

Divulgue seu vídeo de apresentação nas redes sociais para aumentar o número de inscritos em seu canal.

Aproveite as Tags

As Tags são Palavras-Chave relacionadas ao seu vídeo. Lembre-se de não abusar das Tags, use somente as necessárias. Tente usar no máximo 7 Tags, pois é o número que o YouTube reconhece, além disso se torna desnecessário.

Para escolher as Tags mais adequadas para o seu vídeo é importante se atentar á alguns detalhes:

  • Procure por sugestões de Tags no YouTube, digite algum termo na caixa de pesquisa mas não pesquise, abaixo serão exibidas algumas sugestões
  • Procure por vídeos populares que estão ranqueando para a palavra-chave desejada, use as 3 principais Tags usadas nesses vídeos, pode usar as mesmas Tags

Basicamente, procure as Palavras-Chave (Tags) mais procuradas sobre o assunto desejado e use-as mas sem exagerar, procure encaixa-las naturalmente.

Chamada para Ação (Call to Action)

Chamada para ação é incentivar o usuário a tomar alguma ação, seja se inscrever em seu canal, curtir o vídeo ou comentar o seu vídeo. A Chamada para a Ação é uma boa estratégia e que realmente funciona, você também pode aproveitar e instigar o usuário a assistir outro vídeo em seu canal por exemplo.

Você pode também usar os famosos “Cards” ou usar as telas finais dos vídeos pois ela são “clicáveis”. Por exemplo, através dos Cards você consegue inserir algum vídeo relacionado ao assunto ou um vídeo anterior.

Abuse das Lives

Uma forma excelente de estar mais próximo ao seu público são as “Lives”. As Lives são transmissões ao vivo onde você consegue conversar diretamente, responder perguntas, criar conteúdo, etc.

O YouTube favorece eventos transmitidos ao vivo, ele tende a ranquear esse tipo de conteúdo melhor nos resultados de busca. Outra dica importante é realizar um evento ao vivo através do Google Hangouts e gravar a live. Quando terminar a transmissão o conteúdo será postado automaticamente no seu canal, preservando toda a live.

Dominando os Vídeos Relacionados

É possível “Hackear” os vídeos relacionados e fazer com que exibam seus vídeos com uma maior frequência. Não é possível definir certamente qual vídeo será exibido, porém é possível fazer com que o algorítimo “priorize” determinados vídeos.

O YouTube dá prioridade para a experiência do usuário, ele exibe vídeos que são de interesse do usuário com base em seus dados. Isto é, se o usuário gosta de assistir vídeos de moto ele sempre irá recomendar esse tipo de vídeo, e por ai vai.

É possível fazer com que o YouTube continue mostrando os seus vídeos para o usuário. Para que isso aconteça você deverá criar uma Playlist com vários vídeos de sua autoria sobre determinado tema. Isso faz com que o YouTube mostre o vídeo seguinte da sua playlist como primeira colocação nos vídeos relacionados.

Você também pode colocar seus vídeos em “Reprodução Automática”. Isso faz com que ao final do vídeo ele reproduza um próximo vídeo seu sem que o usuário clique para que isso aconteça.

Também é possível criar uma “anotação” em seus vídeos para promover diversos conteúdos do seu canal incluindo uma playlist, você também pode fazer isso nas descrições dos vídeos.

Direitos Autorais

É muito importante estar de acordo com as regras do YouTube. Respeite sempre o conteúdo de outros colaboradores e sempre procure antes de usar qualquer vídeo, imagem ou música em seu canal.

O YouTube é bem severo quando o assunto são direitos autorais. Quando você desrespeita uma das regras da plataforma você toma um “Strike”. Um Strike é um tipo de aviso, uma notificação de que algo foi feito de maneira incorreta. Caso haja mais de 3 avisos, o seu canal é excluído de vez.

Caso você use alguma imagem ou vídeo que não seja de sua autoria para um vídeo monetizado, é possível que você acabe perdendo a monetização deste vídeo. No caso, essa receita irá para o dono da música por exemplo.

Mas não se preocupe, pois isso não é o fim do mundo, ainda é possível usar músicas e imagens nos vídeos do YouTube.  Basta que você tenha os direitos autorais, ou seja, comprando efeitos sonoros, músicas entre outros. Além disso, você também pode procurar por sons na biblioteca gratuita do YouTube.

Conclusão

Fazer SEO para Youtube é simples, mas demanda atenção e tempo. É importante utilizar os dados de Youtube Analytics para acompanhar os resultados das otimizações.

Na Acelera Performance, somos especializados em Consultoria e Gerenciamento de Campanhas de Marketing Digital. Podemos ajudar a analisar e também executar o que você precisa para conseguir resultados rápidos para o seu negócio na internet. Entre em contato e agende uma conversa!


Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.